Rosalba dispensou licitação para contratar bandas e não faz o mesmo para fazer cirurgias

20 Ago
10:56 2017
A+   a-
Da redação
A prefeita Rosalba e seus auxiliares dispensaram licitação para contratar várias bandas para tocar no Mossoró Cidade Junina por valores que foi até R$ 250 mil. Pagou este cachê com antecedência de até 6 dias, como foi o caso de Xandy, da Banda Aviões do Forró.
 
Ao final a festa pública, gastou mais de R$ 3 milhões e ainda não pagou a todos os prestadores de serviços, como o empresário que montou a estrutura do Chuva de Bala e da Cidadela. Ainda deve também pelos serviços de hospedagem dos policiais que vieram de outras cidades.
 
Lembrando que o MCJ aconteceu no mês de junho, quando ela já havia suspendido a realização das cirurgias eletivas há pelo menos 5 meses. Talvez o dinheiro que deveria ser para cirurgias eletivas foi drenado para estes contratos com dispensa de licitação.
 
Agora, que se consolidou Termo Contrato Entre Públicos com o Estado, no valor de R$ 11 milhões, para fazer todas as cirurgias eletivas em Mossoró, a prefeita Rosalba Ciarlini vai fazer chamada pública para contratar os hospitais no dia 12 de setembro.
 
Este processo pode demorar até 3 meses. Ou seja, as cirurgias eletivas que nunca deveriam ter sido suspensas, só serão retomadas no próximo ano.  Porque n&atild [...]

Ler mais

Pai de primeira viagem!

13 Ago
19:16 2017
A+   a-
Da redação
Esta semana assisti uma cena desespero desnecessário. O cidadão chegou à maternidade com a mulher reclamando de dores. Eram dores do parto. Normal. Ele fala que é emergência. Em situação idêntica, haviam outras quatro mulheres sendo atendidas. São 22 partos por dia.

O cidadão desesperado pega a mão de sua mulher, coloca no carro e sai para um hospital particular, que às vezes faz o papel de maternidade, em Mossoró. Menos de 30 minutos depois, o cidadão retorna desesperado na maternidade, perguntando se havia leito de UTI neonatal.

Com resposta positiva, botou a mão na cabeça e ficou se perguntando que m. tinha feito. Saiu desesperado buscar a esposa que estava no hospital que as vezes faz o papel de maternidade. A fumaça nos pneus do carrão subiu. Pouco tempo depois, chega o cidadão com a esposa.

As atendentes da maternidade fizeram a ficha da futura mamãe, outra enfermeira fez o encaminhamento para o pré parto. Um médico examinou e outro deu sinal positivo para iniciar o processo de avaliação se seria parto normal ou cesáreo.

O cidadão parecia desesperado. Estava com a mão fria. Suada. Preocupado se havia UTI adulto e UTI neonatal, para o caso da mulher e o filho precisar. Para acalma-lo, um servidor da maternidade mostrou as UTIs e nominou a [...]

Ler mais

Com a mulher secretária, salário de Yuri Tasso pulou de R$ 6 para R$ 14 mil

29 Jul
12:13 2017
A+   a-
Da redação
A remuneração fixa de Yuri Tasso Duarte Queiroz Pinto na Prefeitura de Mossoró era R$ 1.941,85 até fevereiro de 2017. Ele recebia até então também R$ 6.322,98, referente a Vantagens de Natureza Pessoal. Nesta época ele estava no cargo de secretário executivo de Infra-estrutura.

Veja mais EM DETALHES.

Depois que a prefeita Rosalba Ciarlini assumiu e nomeou Kátia Maria Cardoso Pinto para o cargo de secretária de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos, as coisas melhoraram para Yuri Tasso Duarte Queiroz Pinto. Kátia Pinto é a mulher e chefe dele.

E por ser marido da secretária Kátia Pinto, Yuri foi enquadrado na Lei do Nepotismo e o Ministério Público Estadual recomendou demitílo, depois que o MOSSORÓ HOJE mostrou este fato, no mês de março passado. Veja EM DETALHES.

Ao que parece, para os benefícios financeiros saltarem a conta de Yuri Tasso não precisa dele ocupar cargo político (comissão). Mesmo fora do cargo de secretário Executivo de Infra-estrutur [...]

Ler mais

Brasil: um país administrado por corruptos agindo contra os brasileiros

22 Jul
20:17 2017
A+   a-
Da redação
O Governo do PT/Dilma, numa das tentativas de escapar da crise, tentou reativar a CPMF e foi um escândalo. Líderes do PSDB, DEM e até do PMDB criticaram duramente em entrevistas nos horários nobres da TV. Haviam um movimento intenso de gente vestindo camisa amarela e bantendo panela no horário nobre do Jornal Nacional. Disseram que o Brasil não suportava mais um imposto.
 
Aí os deputados corruptos botaram Dilma para fora, mesmo ela não tendo cometido crime algum. Apenas porque ela se recursou a liberar emendas para os deputados corruptos livrarem os corruptos como Eduardo Cunha da cadeia. Ela disse que por ela não ficaria pedra sobre pedra!
 
Ficamos calados.
 
Botaram o corrupto do Michel Temer no poder, jogaram o plano de governo Dilma eleito em 2014 pelos Brasileiros no lixo, e colocaram, no lugar, o plano de gestão da FIESP, que ajudou a derrubar o governo Dilma com muito dinheiro. Se aliaram aos corruptos que Dilma não quis proteger e mataram a CLT, botando a conta do rombo que eles fizeram nas contas públicas nas costas dos trabalhadores brasileiros.
 
Ficamos calados.
 
O impostor do Temer percebeu a facilidade e perdoou 30 bilhões de dólares em dívidas de 3 bancos. Só do Itaú foram R$ 25 bilhões.

Últimos Artigos
Colunas
Jornal Impresso