ESTADO

Robinson quer fortalecer a economia do RN plantando 2,45 milhões de cajueiros

Foto: Cezar Alves/MH
11 Jan
18:02 2017
A+   a-
Da redação
O Governo do Rio Grande do Norte vai plantar, ao longo deste ano, 450 mil mudas de cajueiro na região Oeste Potiguar. A medida foi anunciada pelo governador Robinson Faria durante agenda administrativa em Mossoró na tarde desta quarta-feira, 11, na Estação das Artes. No próximo ano, a meta do Governo é plantar mais 2 milhões de mudas em várias regiões do Estado.

Entre os municípios que serão contemplados, destaca-se a Serra do Mel, projetado durante o governo Cortez Pereira na década de setenta e início dos anos oitenta, na região de planício que compreende entre as bacias hidrográficas Piranhas/Açu e Apodi/Mossoró. A idéia era desenvolver a região Oeste plantando 2,4 mihôes de cajueiros em 22 vilas rurais onde estavam assentadas mais de 1.100 familias.

Entretanto, no passar dos anos o projeto Serra do Mel não recebeu o apoio devido do Estado e terminou fracassando. A copa do cajueiro ficou velha e parte morreu. A outra não resistiu cinco anos de seca e a praga da mosca branca. Mais de 80% da copa cajueiro gigante da Serra do Mel morreu. Parte foi substituída pelos colonos, segundo relata o prefeito Josivan Bibiano de Azevedo, que estava na reunião.

Porém, a grande parte da copa do cajueiro gigante, aguarda por substituição. Para o gestor da Serra do Mel, o programa de fortalecimento da cajucultura no Rio Grande do Norte é a oportunidade dos colunos para começar a retomada da produção de caju e castanha, em escala industrial, no município. O mesmo pode acontecer com os municípios de Caraúbas, Apodi, Severiano Melo, Portalegre, entre outras cidades do Oeste, Seridó, Central, agreste e etc.

Livre da aftosa.
Durante a solenidade na Estação das Artes, o governador Robinson Faria destacou que através do Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN - IDIARN conseguiu o seu governo em doisa nos de trabalho conseguiu livrar o território do Rio Grande do Norte quase que 100% da febre aftosa. Destacou que entre os municípios agora totalmente livre da aftosa está Apodi, que pode vender carne bovina para qualquer região do País ou até exportar.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS