MOSSORÓ

Proprietária tira correntes da UBS do Vingt Rosado depois de promessa da Prefeitura

19 Abr
22:48 2017
A+   a-
Da redação
Após matéria do Portal Mossoro Hoje, mostrando que Maia Selma, proprietária da casa onde funciona a UBS Mário Lúcio de Medeiros, na segunda etapa do Conjunto Ving Rosado, no bairro Alto da Pelonha, zona leste de Mossoró, havia fechado o acesso a UBS usando correntes e cadeado, devido ao não pagamento do aluguel do prédio, Prefeitura de Mossoró, através de sua Secretaria Municipal de Saúde, prometeu pagar a conta na próxima terça-feira, 25.

Veja mais
UBS do Vingt Rosado é fechada com corrente e cadeiado pela proprietária do prédio


O comunicado da Secretaria de Saúde da Prefeitura a proprietária Maria Selma foi feito no final da tarde desta quarta-feira, 19. O Secretário Benjamim Bento, havia divulgado nota informando que o processo de renovação do contrato para manter a UBS funcionando na referida residência, estava em andamento, devendo ser concluido nos próximos dias. Já Maria Selma destacou que a Prefeitura estava com este discurso desde o início do ano.

Diante da promessa, Maria Selma disse que nesta quinta-feira, 20, já vai tirar as correntes e cadeados que colocou no portão de acesso e os servidores que lá prestam serviços atendendo a população dos bairros e comunidades vizinhos. Porém ela advertiu que se terça-feira, dia 25, não receber os valores referentes aos alugueis atrasado, cerca de R$ 12 mil, volta lá no prédio e bota correntes com cadeado de novo.
 

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS