ESTADO

Governo restringe captação de água na barragem Armando Ribeiro

Foto: Cézar Alves/MH
13 Set
15:50 2017
A+   a-
Da redação
A partir das 21 horas desta quinta-feira (14), fica proibida qualquer captação de água, com excessão do abastecimento humano e animal, em determindo trecho da barragem Armando Ribeiro Gonçalves, em Assú. O reservatório, maior do Estado, está com cerca de 16% de sua capacidade total, que é de 2,4 bilhões de metros cúbicos.

Segundo o governo, a medida será fiscalizada, com sujeito à penalidades a quem descumprir.

A ação é uma medida tomada em conjunto pelo Governo do Estado, Comitê da Bacia Hidrográfica e Agência Nacional de Águas (ANA) nesta quarta-feira (13), visando solucionar problemas de abastecimento na região do Vale do Açu.

Também como medidas para melhorar o abastecimento, o governo informou que será realizada reunião específica com os órgãos ANA, IGARN, IDEMA, CAERN, Comitê da Bacia Hidrográfica, usuários e prefeituras com o objetivo de estruturar, com a maior brevidade possível, a limpeza do Rio Açu.

Caberá ao Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio realizar, junto ao IGARN, ANA e Usuários de água, a revisão da Resolução sobre os usos da água atualmente em vigor.

A discussão sobre o assunto começou por problemas de abastecimento nos municípios de Pendências, Macau e Guarmaré. As cidades começaram a ter abastecimento agravado por conta de desvios de água feitos no rio Açu.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS