MOSSORÓ

Natal Solidário: Policial quer arrecadar 2 mil brinquedos para doar a crianças no natal

12 Out
16:27 2017
A+   a-
Da redação
A principal orientação as forças de segurança no País é fazer o trabalho de aproximação da comunidade onde se realiza o patrulhamento. Apostam numa parceria entre agentes de segurança e a comunidade para enfraquecer e derrotar as organizações criminosas, explica o especialista em políticas de segurança Pública Ivênio Dieb Hermes.
 
Em Baraúna, este trabalho é feito espontaneamente desde 2015, com a designação do soldado Gutierres para fazer o patrulhamento do município. “Patrulhar não é só gastar gasolina passando por todas as ruas. É também conversar com o cidadão”, diz Gutiery Almeida.
 
E conversando com os moradores das comunidades, o policial percebeu a curiosidades das crianças com o trabalho dos policiais fardados. “É um momento ímpar. É quando podemos nos aproximar, trazer esta criança para o nosso lado”, destaca o policial militar.
 
Além da conversa, do cafezinho com os adultos, Gutierres percebeu que nas áreas mais pobres, falta o básico para o sorriso de uma criança: infraestrutura, um carrinho, uma bola, um bambolê, uma boneca,... “qualquer brinquedo é motivo de alegria de uma criança”.
 
“É nesta alegria que conseguimos duas coisas importantes: primeiro a satisfação de está fazendo uma criança sorri e, segundo, ampliar as possibilidades desta criança não ter medo de polícia. Ter respeito e, consequentemente se afastar dos bandidos”, Justifica.
 
Nada melhor do que nas datas comemorativas do Dia da Criança, 12 de outubro, e no Natal, dia 25 de dezembro, para fazer os olhos das crianças brilharem mais forte. Nasceu assim, sem pretensões, o Natal Solidário, que hoje faz sucesso entre a criançada.
 
 A distribuição de alguns presentes no dia da criança é só o aquecimento para o natal. Com apoio do comando, dos colegas de farda, de comerciantes, empresários e profissionais autônomos o Natal Solidário já está presente em mais de 10 cidades região Oeste do RN.
 
Nesta quinta-feira, 12, as crianças da comunidade do Lixão, em Baraúna, receberam presentes dos policiais que fazem o patrulhamento do município. “Foram poucos presentes, mas deu para fazer sorrir todos meninos e meninas daquela comunidade”, diz Gutiery.
 
O exemplo de Baraúna se espalhou por várias cidades da região Oeste do RN, Alto Sertão da Paraíba e também do Ceará. “Através dos guerreiros de lá do Ceará e também da Paraíba, vamos distribuir presentes também nestas regiões no natal deste ano”, diz Gutiery.
 
Em 2016, o Natal Solidário arrecadou 1.200 brinquedos. Para 2017, a meta é chegar a 2 mil brinquedos. Já foi dada a largada da campanha 2017. “São iniciativas assim que faz o cidadão voltar a acreditar nas instituições públicas, a confiar agente de segurança”, diz Ivênio Hermes.
 
Como contribuir com a campanha
Quem quiser contribuir com o Natal Solidário pode procura Gutiery Almeida pelo WhasApp (84 9 9922-8417) ou Instagram (@natalsolidario.2017). A primeira reunião dos apoiadores da campanha será às 19h do próximo sábado, dia 14, no Espetinho do George, no Centro de Mossoró-RN.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS