ESTADO

Semarh espera recarregar 40% dos reservatórios do RN no inverno de 2018

Foto: Valéria Lima | Mossoró Hoje
10 Jan
16:46 2018
A+   a-
Da redação
A Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH) espera recarregar aproximadamente 40% dos reservatórios nesse inverno. Grande parte dos reservatários potiguares estão secos ou em volume morto, inclusive, a Barragem Engenheiro Armando Ribeiro Gonçalves, em Assú.

Recentemente, a Barragem entrou entrou na lista dos reservatórios em volume morto - nome que se dá a reserva de água mais profunda das represas, que fica abaixo dos canos de captação que normalmente são usados para retirar água. 

Com capacidade para 2,4 bilhões de metros cúbicos, a Barragem Armando Ribeiro é o maior reservatório do Estado. O mesmo atende mais de 45 municípios do Oeste potiguar e é responsável pelo abastecimento humano e fruticultura irrigada. Açudes importantes como o Itans, em Caicó, estão secos.


Comporta da Barragem Eng. Armando Ribeiro - Assú/RN | Foto: Valéria Lima

"Não dependemos somente da quantidade de chuvas, mas também, e principalmente, de “onde” elas deve cair, elas poderiam ser muito mais fortes, mas se forem fora das araras da bacias hidráulicas dos reservatórios, então não teríamos tantos resultados", explicou o secretário-adjunto da Semarh, Mairton França.

Em crise hídrica há seis anos, o Rio Grande do Norte tem 153 municípios em situação de emergência. Destas,14 estão em colapso e 84 adotaram rodízio no abastecimento.

Chuvas
A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), divulgou recentemente que a expectativas de chuvas para o Estado este ano ficará dentro da normalidade.

Segundo a Emparn, é prevista uma variação de 800 milímetros e 1000 milímetros, dependendo da região. Para a região Oeste potiguar, a previsão é de 778,4 milímetros - 75,6% do total ocorre entre fevereiro e maio. 

Para a região Central, 630,4 mm (74,9% do total ocorre entre fevereiro e maio); para o Agreste a previsão é de 639,1 mm (83% ocorre entre fevereiro e agosto); e para a região Leste 1246,3 mm (86,6% do total ocorre entre fevereiro e agosto).

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS