ESPORTE

Seu Castro conclui Corrida pela Fé doando alimentos na Casa do Estudante

07 Abr
11:05 2018
A+   a-
Da redação
O bancário aposentado Hermes Castro, o Seu Castro, como é chamado carinhosamente pelos amigos, concluiu com grande sucesso a 6ª Corrida pela Fé, que ele, filhos e netos realizam anualmente em Mossoró, sempre na sexta-feira santa.

A conclusão do evento esportivo que se propõe a entrar no calendário de eventos do município aconteceu nesta quinta-feira, dia 4 de abril, quando ele fez a doação de 360 quilos de alimentos na casa do Estudante e no Albergue Mossoro-RN.

Os alimentos não parecíveis foram adquiridos com o valor de R$ 15,00 da inscrição de 185 atletas que participaram da Corrida pela Fé em 2018, quase um dobro do número de inscritos em 2017, que já vinha de um crescimento de 70% do ano anterior.

A Corrida pela Fé começou em 2013, com Seu Castro, com filhos dando apoio, correndo sozinho na BR 110. No ano seguinte o número de participantes aumentou. "Agora são quase 200 novos amigos, podendo aumentar mais", diz Seu Castro.

Para cada um novo amigo na Corrida pela Fé, Seu Castro faz a doação de dois quilos de alimentos. "São instituições de pessoas de bem, que cuida dos estudantes e também parentes de pacientes que estão nos hospitais em Mossoró" ressalta.

O MOSSORO HOJE acompanhou a entrega dos alimentos no Albergue Mossoró. Na ocasião, Seu Castro conversou com nossa reportagem, assim como a coordenadora da instituição, Elizabete Duarte.

Logo em seguida Seu Castro, acompanhado com amigos e a filha Heliana Castro fizeram a entrega dos alimentos na Casa do Estudante. O diretor interino Janailton Divino agradeceu a Seu Castro e ressaltou a importância da doação.



A Casa do Estudante de Mossoró atualmente tem 62 universitários de toda a região oeste do Rio Grande do Norte e ambém do Ceará. São estudantes em diversas áreas, inclusive de Medicina, Direito, Engenharia, Assistência Social, entre outras.

Já o Albergue Mossoró, segundo a coordenadora Elizabete Duarte, só este ano já atendeu 960 pessoas, não só da região oeste do Rio Grande do Norte, mas de vários Estados Brasileiros e um, inclusive, é da Inglaterra.

"Em sua maioria são pessoas de famílias humildes que não moram em Mossoró e vem para cá acompanhar parentes internados nos hospitais da cidade. Temos uma familia que veio da Brasília acompanhar o pai na UTI", diz Elizate Duarte.

A Casa do Estudante e o Albergue Mossoró, por não receber atenção da Prefeitura de Mossoró e nem do Governo do Estado, sobrevive exclusivamente de doações, como esta que Seu Castro e seus familiares estão fazendo.

"Tenho sempre dito que melhor seria que ninguém estivesse precisando. Mas não é assim que nossa sociedade funciona. Então, ficamos feliz em está sendo usado por Deus para ajudar a quem precisa", conclui Seu Castro.


 

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS