POLÍCIA

VÍDEO: Pedreiro detalha friamente como matou Iasmin estrangulada com cabo de aço

Foto: Divulgação PM
27 Abr
14:33 2018
A+   a-
Da redação
O pedreiro Marcondes Gomes da Silva, 45 anos, confessou, em vídeo, que matou Iasmin Lorena, de 12 anos, usando cabo de aço após a menina recusar ter relações sexuais com ele. O crime ocorreu dia 28 de março, última vez que a garota foi vista, no bairro Rendinha, Zona Norte de Natal, onde a família da menina e o assassino moram.

“Foi tudo muito rápido, ela entrou na casa em construção e ficamos conversando sobre medicina, que era o sonho dela. Depois, ficamos juntos uns 15 minutos e ela não quis aceitar meu pedido de namoro. Decidi pegar um cabo de freio de bicicleta, que estava no chão, e enforquei Iasmin. Depois cavei um buraco no chão, coloquei areia, pedaços de tábua..Pensei que ninguém nunca ia descobrir”, detalhou Marcondes Gomes.

​De acordo com a delegada Dulcineia Costa, durante todo o processo de investigação, Marcondes Gomes tentou induzir a Polícia a erro. “Ele até chegou a ligar para o Disque-Denúncia algumas vezes, dando pistas falsas. Além disso, jogou as sandálias da adolescente em outros lugares, para desviar o foco. Durante todo o tempo do interrogatório, ele se mostrou muito frio e nós investigaremos outros casos de abuso contra crianças e adolescentes que ele possa ter praticado. Até o momento não temos condições de afirmar se houve relação sexual, porque dependemos de resultados periciais”, revelou a delegada.

Confira a entrevista completa:

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS