MOSSORÓ

UERN mantêm aulas, mas recomenda que professores não façam avaliações

28 Mai
06:48 2018
A+   a-
Da redação
O Movimento dos caminhoneiros no País leva preocupação a todos os seguimentos da sociedade brasileira. Na educação, em várias cidades da região Oeste do Rio Grande do Norte, o quadro não é diferente. No município de São Miguel, as aulas foram suspensas. 

Em Mossoró, o reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, professor Pedro Fernandes, divulgou Comunicado neste domingo, comunicando que as aulas estão mantidas nesta segunda-feira, 28, porém recomenda que os professores não façam atividades avaliativas.

A preocupação do reitor Pedro Fernandes é com os estudantes que precisam se deslocar de cidades vizinhas para Mossoró e, como em suas cidades não tem combustíveis, como bem o MOSSORÓ HOJE frisou neste domingo, 27, não teriam como assistir as aulas.


Comunicado

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) informa que estão mantidas as aulas desta segunda-feira, 28 de maio. No entanto, a orientação é para que os professores evitem a realização de atividades avaliativas. 

A administração da UERN está acompanhando atentamente aos desdobramentos da paralisação dos caminhoneiros e reforça a preocupação em evitar que os alunos sejam prejudicados por eventuais impedimentos de deslocamento seja por estradas bloqueadas ou falta de combustível.

Pedro Fernandes Ribeiro Neto
Reitor
Fátima Raquel Rosado Morais
Vice-reitora

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS