MOSSORÓ

Xand Avião lamenta desabamento de camarote do Mossoró Cidade Junina; veja vídeo

08 Jun
14:45 2018
A+   a-
Da redação
Por meio do seu perfil no Instagram nesta sexta-feira, 8, o cantor Xand Avião comentou o desabamento do camarote que aconteceu durante a primeira noite de show do Mossoró Cidade Junina 2018. Ele disse que parou o show por cerca de 15 minutos e só retornou quando o Corpo de Bombeiros certificou que ninguém ficou gravemente ferido.

"Eu vi muita gente levantando o braço do lado esquerdo e quando eu olhei o camarote estava cedendo, o corpo de bombeiros pediu pra parar, minha produção foi lá, aí disseram o camarote cedeu, o camarote cedeu, cedeu o piso e a galera começou a cair", disse ele. Na rede social, Xand tambéma agradeceu ao Capitão Daniel, do Corpo de Bombeiros, e sua equipe pela rapidez no atendimento às vítimas e lamentou o que aconteceu. "A gente não tem culpa, ninguém tem culpa", disse.

Assista:



Polícia Civil e ITEP investigam o caso
Delegados, agentes da Polícia Civil, uma equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) e Corpo de Bombeiros estiveram na manhã desta sexta-feira, 8, no local onde ocorreu o desabamento do camarote privado do Mossoró Cidade Junina 2018. Uma estrutura caiu durante apresentação de Xand Avião na madrugada e feriu dezenas de pessoas.

A Prefeitura de Mossoró confirmou que a estrutura que desabou era de responsabilidade da empresa SANIQ Locação de Banheiros Químicos e Toldos Ltda, vencedora de licitação para esse fim. Esta empresa, por sua vez, contratou a Gondim e Garcia, investigada por desvios do MCJ em edições anteriores, para montar a estrutura.

No ano de 2017, a SANIQ também foi responsável por montar a Arena Deodete Dias, mas não conseguiu fazê-la a tempo hábil. A arena ainda chegou a ser interditada pelo Corpo de Bombeiros por não atender as normas de segurança. Mesmo assim, a empresa participou da licitação deste ano e venceu.

"A Prefeitura lamenta o ocorrido, reafirma sua solidariedade com as vítimas e suas famílias, bem como acompanhará a apuração da investigação para tomadas das medidas cabíveis", informou ainda o Executivo Municipal sobre o ocorrido.

Inicialmente, falou-se que o camarote que desabou era de responsabilidade do Grupo TCM. Em nota publicada hoje, a empresa de comunicação informou que não era responsável pela montagem da estrutura. Apenas firmou patrocínio com a empresa vencedora da licitação para divulgação.

Após a queda do camarote, na madrugada de hoje, o cantor Xand parou o show por alguns minutos. Ele estava na quinta música quando a estrutura cedeu com o peso e desabou. Dezenas de pessoas caíram no chão. SAMU e Corpo de Bombeiros socorreram as vítimas para o Hospital Regional Tarcísio Maia e UPAs. As vítimas sofreram lesões leves.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS