POLÍCIA

PF de Mossoró e COTAR do CE prendem dois assaltantes do carro forte na divisa do Ceara

28 Jun
20:32 2018
A+   a-
Da redação
Nesta quinta-feira, 28, dando continuidade às investigações da Delegacia de Polícia federal em Mossoró/RN e COTAR, do Ceará, foi realizado a apreensão de uma submetralhadora, bem como a prisão de 2(duas) pessoas portando documento falsoenvolvidos na tentativa de assalto ao carro forte na localidade de Cajazeiras, BR 304, já no muncípio de Aracati-CE.

A PF informou que além deste ataque frustrado pela atuação do Cotar e da PF de Mossoró na região da divisão do Rio Grande do Norte com o Estado do Ceará,os membros dessa quadrilha são apontadas também como responsáveis por outros assaltos a Carros fortes no Estado do Ceará. Estes ataques aconteceram nos municípios de Itapipoca ( Brinks), Santa Quitéria ( CORPVS) e Varjota ( CORPVS). 

Na região de Aracati, diante da ação surpresa Cotar do Ceará e da Polícia Federal, ocorreu confronto entre policiais e assaltantes, tendo parte da quadrilha fugido entrando no mato escuro. Os assaltantes não conseguiram levar o dinheiro.

O trabalho da equipe de inteligência do COTAR (PMCE) juntamente com os Policiais Federais da Delegacia de Mossoró/RN, já mantinham há alguns meses uma investigação intitulada "Chuva de Bala", já tendo identificado os membros da quadrilha e seu modus operando em ataques a instituições financeiras e carro forte no RN, CE e outros Estados da Federação.

Com o trabalho de inteligência estavam em andamento, a Polícia Federal em Mossoró/RN conseguiu antecipar a ação criminosa na região de Aracati. Assim, diante da troca de informações com a inteligência do COTAR (PMCE) foi possível constatar um link entre os bandidos no RN com o CE.

Para evitar o assalto aos dois carros fortes, a PF e Cotar montaram uma operação conjunta na BR 304 durante o translado dos Carros Fortes que iriam para Fortaleza saindo da cidade de Mossoró. Após frustrar os assaltos, os agentes federais e os policiais do Cotar, continuaram as buscas.

A PF informou na noite desta quinta-feira, 28, que até o presente momento dois criminosos foram presos por policiais do COTAR. Destaca que o restante da quadrilha ainda está no mato, inclusive tendo trocado tiros com a policia nesta quinta-feira, 28.

Para os policiais a quadrilha foi identificada, e as buscas continuam na região de Aracati onde ocorreu o último confronto.

Até agora o material apreendido com a quadrilha foram:
Uma sub metralhadora,
uma cal 12 e uma
.50 capaz de derrubar aeronaves e atravessar carros fortes.

As investigações apontam que membros da quadrilha teriam tido envolvimento com o furto ao banco central em fortaleza e seriam da facção PCC

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS