NACIONAL

Fogo destrói o Museu Nacional do Rio e todo o seu acervo de 20 milhões de itens

Foto: Reprodução de O Globo
02 Set
21:06 2018
A+   a-
Da redação
O Museu Nacional, na zona Norte do Rio de Janeiro, está sendo destruído pelo fogo. Todo o acerto, de 20 milhões de ítens, também está sendo queimado. O fogo começou por volta das 19h30, segundo informou o Jornal O Globo.

O Museu Nacional foi criado no período do império por Dom João VI e havia completado este ano 200 anos (Foi inaugurado em 6 de junho de 1818. Dentro da estrutura existem mais ou menos 20 milhões ítens, eles eles o fóssil humano mais antigo do País, encontrado em Minas Gerais, chamado de Luzia.

O fogo começou por volta das 19h30 e ás 21 horas o prédio ainda estavam em chamas, com o Corpo de Bombeiro tentando controlar as chamas. O trabalho dos Bombeiros foi prejudicado devido a falta de água. Esta questão demorou cerca de 2 horas para ser resolvida. 

O Museu Nacional é vinculado a Universidade Federal do Rio de Janeiro e tem grande importância na pesquisa científica e a manutenção do museu nacional foi diretamente afetado pelo corte gastos adotado pelo Governo Temer que começou este ano de 2018.

A Assessoria de Comunicação do Museu Nacional informou ao Globo que não teve feridos, mas admitiu que dificilmente as chamas vão deixar algum ítem inteiro. Quando as chamas começaram, havia pouco tempo que haviam sido encerrado as visitas.

No prédio, haviam quatro vigilantes, que saíram do prédio quando as chamas começaram. Ainda não se tem informações do que teria ocasionado o início das chamas. O prédio vinha sendo alvo de críticas constantes pela falta de cuidados com a manutenção da estrutura.

O presidente Michel Temer se pronunciou a respeito do caso no Twitter (@MichelTemer )
 
."Incalculável para o Brasil a perda do acervo do Museu Nacional. Foram perdidos 200 anos de trabalho, pesquisa e conhecimento. O valor p/ nossa história não se pode mensurar, pelos danos ao prédio que abrigou a família real durante o Império. É um dia triste para todos brasileiros".

A resposta ao presidente veio logo em seguida.

Lindbergh Farias (@lindberghfarias)
"Com a PEC do teto de gastos e a redução grotesca do orçamento público na educação e ciência e tecnologia, o Museu agonizava com graves problemas de manutenção. Para reabrir a sala dos dinossauros, fez vaquinha virtual. O que acontece no Brasil hoje é criminoso!"

Jandira Feghali reagiu mostrando que o descaso do Governo Federal com o museu já havia sido denunciado.


MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS