NACIONAL

"Consciente e "em boas condições clínicas", diz Boletim médico de Bolsonaro

Foto: Reprodução
07 Set
19:03 2018
A+   a-
Da redação

O candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, foi submetido hoje (7) a uma série de exames no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, onde chegou no meio da manhã, procedente de Juiz de Fora (MG).

Veja mais
Após facada, Bolsonaro passa por cirurgia: veja VÍDEO do momento da facada

Presidenciáveis lamentam nas redes sociais atentado contra Jair Bolsonaro
"Consciente e em boas condições clínicas, diz boletim médico de Bolsonaro
Presídio Federal de Mossoró é um possível destino do agressor e Bolsonaro

Segundo boletim médico divulgado há pouco, ele encontra-se consciente e "em boas condições clínicas". No perfil do Twitter do candidato, ele diz que está bem e se recuperando, além de fazer agradecimentos (acima).

A equipe médica do hospital em São Paulo informou que está dando continuidade ao tratamento iniciado na cidade mineira, onde Bolsonaro foi atingido por uma facada durante ato de campanha, na última quinta-feira.

Após passar por avaliações e ser submetido a uma cirurgia para estancar hemorragia interna, o candidato foi levado para Hospital Israelita Albert Einstein na capital paulista.

"O paciente está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) onde realizou exames laboratoriais e de imagens e foi avaliado por equipe multiprofissional", diz o boletim. O cirurgião Antônio Luiz Macedo e o clínico e cardiologista Leandro Santini Echenique fazem parte da equipe médica responsável pelo paciente.

Ataque

Na tarde de ontem (6), o candidato recebeu uma facada no abdômen em meio ao tumulto que se formou em volta dele no ato político. Durante a operação, Bolsonaro teve o intestino delgado costurado e parte do intestino grosso retirada. Ele também foi submetido a uma colostomia e, em até dois meses, terá de ser operado novamente.

O autor do ataque a Bolsonaro, Adélio Bispo de Oliveira, foi preso pela Polícia Militar, em Juiz de Fora. A Polícia Federal, responsável pela segurança do candidato, abriu inquérito para investigar o caso.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS