POLÍCIA

Júri Popular condena réu a 12 anos de prisão por matar rival no Santo Antônio em 2012

Foto: TV Terra do Sal
02 Out
15:35 2018
A+   a-
Da redação
O Tribunal do Júri Popular condenou o réu Daniel Ricardo Fernandes da Silva, o "Thor", a 12 anos de prisão no regime fechado por homicídio qualificado, ocorrido em março de 2012, no bairro Santo Antônio, em Mossoró. O julgamento aconteceu na manhã desta terça-feira (02), no Fórum Municipal Desembargador Silveira Martins.

O promotor de justiça Armando Lúcio destacou que o caso já deveria ter sido julgado e só não ocorreu porque o réu estava foragido bem como teve passagem por diversas unidades prisionais do Estado.

Daniel Ricardo, segundo o representante ministerial, só não esteve preso no Presídio Estadual de Caicó. Inclusive, o réu estava foragido e foi capturado por policiais há poucos dias, sendo levado para a Cadeia Pública Juiz Manoel Onofre de Sousa, em Mossoró.

Daniel Ricardo foi condenado por matar, na companhia de um adolescente, a vítima Jalisson Emanuel Fernandes da Silva. No processo, consta que os acusados mataram a vítima por que integravam grupos rivais.

O crime aconteceu na tarde do dia 17 de março de 2012, próximo ao bar do Chico, no bairro Santo Antônio. Conforme o processo, a dupla passava de bicicleta quando avistou o alvo, foi até ele e efetuou os disparos. Jalisson morreu na hora.

Durante o júri, os interesses do réu foram defendidos pelo defensor público Diego Melo da Fonseca. O júri foi presidido pelo juiz de Direito Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros.

Após explanações de defesa e acusação, o Conselho de Sentença se reuniu e decidiu pela condenação por homicídio qualificado, optando pela tese apresentada pelo Ministério Público.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS