POLÍTICA

"A nossa campanha não é baseada em dinheiro, nem em oligarquia, e sim em quem acredita nela", diz Allyson

Foto: Assessoria
03 Out
09:35 2018
A+   a-
Da redação
O mossoroense Allyson Bezerra, do Solidariedade, mais uma vez está entre os mais lembrados pelos eleitores potiguares na disputa eleitoral por uma vaga na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Foi o que revelou a pesquisa divulgada nesta terça-feira (02), pelo Instituto Consult/Blog do BG/98 FM. 
 
O jovem de 26 anos é candidato a deputado estadual pela primeira vez e tem se destacado como um nome novo, limpo e longe das oligarquias que dominam a política norte-rio-grandense há décadas, mas que hoje se apresentam como solução para os problemas.
 
De acordo com o levantamento, realizado entre os dias 26 e 29 de setembro, Allyson foi lembrado por 0,47% dos entrevistados. O crescimento é de cerca de 0,30% em relação a última pesquisa divulgada pela Consult no início de setembro - colocando o candidato entre os favoritos nesta eleição.
 
"Essa pesquisa de hoje só confirma o que nós estamos vendo nas ruas, acabei de caminhar pelas ruas de Mossoró hoje no Aeroporto 2 e pude perceber isso, se Deus quiser vamos para uma grande vitória, o povo sabe que esse projeto não é meu, não é só dessa equipe, e sim de todo o povo do Rio Grande do Norte", afirmou Allyson.
 
"Nós estamos na reta final, muita gente vai querer fazer aquela política antiga de comprar voto, não quero política desse jeito, e sim a política da mudança do Rio Grande do Norte, a nossa campanha não é baseada em dinheiro, não é baseada em oligarquias, e sim em quem acredita nela", comentou o candidato.
 
Conheça Allyson Bezerra
Allyson Bezerra, 26 anos, é servidor público da Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA) e Engenheiro Civil com especialização e mestrado na área de recursos e impactos ambientais. É aluno de Direito da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e um dos líderes da Rede Nacional de Ação Política pela Sustentabilidade (RAPS), sediada em São Paulo-SP.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS