ESTADO

IFRN ressalta a importância da mineração para o Seridó

09 Out
15:36 2018
A+   a-
Da redação

Na região do Seridó, especificamente em Parelhas, existe uma área de mineração muito rica. O Seridó Potiguar é dono de uma geologia abundante em minerais, e há um grande interesse por parte de empresas mineradoras em se instalarem nesta região. O campus do IFRN Parelhas tem foco na atuação no eixo tecnológico de recursos naturais e serve como suporte para mineradoras no local. O campusem questão dispõe do Laboratório de Tecnologia Mineral (LTM), que tem como objetivo gerenciar conhecimento científico e tecnológico em processamento mineral e áreas afins, atuando na formação de seus alunos e comunidade.

Considerando não só a formação de técnicos, mas também o desenvolvimento de projetos e pesquisas que avaliam o potencial mineral da região, o LTM possui parceria com o Centro de Tecnologia Mineral (CTM), que está em processo de implantação no IFRN Currais Novos e também vai desenvolver projetos junto ao IFRN Natal-Central (tradicional no trabalho com a mineração) e À Funcern. "Essas parcerias vão fazer com que a gente trabalhe muito junto. A união do LTM com o CTM só tem a trazer coisas muitos boas para o IFRN e para a região", afirmou Gerluzia Azevedo, diretora geral do campus Parelhas.

Segundo a diretora, o LTM é um lugar para práticas das disciplinas voltadas para alunos de mineração do Instituto Federal. Abre espaço ainda para o surgimento de parcerias com empresas que futuramente se voltam para os alunos do Instituto, com intuito de oferecer estágios e contratações. Ela também afirma que vários projetos vêm surgindo desde a implantação do campus, e agora com a parceria com o CTM de Currais Novos, as demandas só irão aumentar: "Há uma expectativa de aumento de demandas e parcerias também com relação às empresas do estado e da região".

O Laboratório de Tecnologia Mineral visa reconhecimento como formador de profissionais, assim como se estabelecer como referência nacional e internacional em tecnologia mineral, principalmente nas áreas de processos de cominuição e concentração mineral. Há também o objetivo de manter e incrementar um relacionamento transparente com colaboradores, para ampliar o alcance da atuação do laboratório tanto na área de ensino e pesquisa, como em inovação tecnológica.

Para Elias Nunes, Coordenador de Laboratórios do campus avançado parelhas do IFRN, o impacto e importância do local é abrangente: "O fato de termos um campus do IFRN na região com o foco de atuação no eixo tecnológico de recursos naturais, contribui abrindo oportunidades para o desenvolvimento mineral, não só da região como de todo o estado".

Infraestrutura 

O LTM possui uma equipe técnica composta de servidores com formação em Engenharia de Minas, Engenharia Química, Tecnologia de Materiais, Geologia e Técnicos de Laboratório em Tecnologia Mineral, além de alunos pesquisadores. Todos com a finalidade de desenvolver e aplicar tecnologias que buscam aumentar a eficiência dos processos produtivos, e contribuir na formação dos discentes no setor mineral.

Dentre os equipamentos disponíveis no laboratório, estão os de cominuição, classificação, flotação, concentração gravimétrica, separação magnética e eletrostática, assim como equipamentos para manuseio de sólidos e separação sólido-líquido.​

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIOS