13 AGO 2022 | ATUALIZADO 19:21
ESTADO
28/06/2022 14:10
Atualizado
28/06/2022 14:47

Furto de cabos da rede elétrica deixa 11 mil pessoas sem energia em Areia Branca

O furto provocou a interrupção no fornecimento de energia para 11.095 clientes na zona urbana e nas praias de Upanema e de São Cristóvão. Por meio de manobras, 10.545 clientes tiveram o fornecimento restabelecido. Os demais, serão religados nas próximas horas, assim que o trabalho de substituição da rede elétrica furtada for concluído. Ao longo do ano de 2021, a distribuidora registrou 1.228 interrupções no fornecimento de energia elétrica provocadas por furto de cabos da rede elétrica em todo o estado.

A Neoenergia Cosern informa que registrou um furto de três vãos de cabos da rede elétrica em Areia Branca às 2h45 desta terça-feira (28), provocando a interrupção no fornecimento de energia para 11.095 clientes na zona urbana do município e nas praias de Upanema e de São Cristóvão.

De imediato, por meio de manobras, 10.545 clientes tiveram o fornecimento restabelecido. Os demais, serão religados nas próximas horas, assim que o trabalho de substituição da rede elétrica furtada for concluído.

Ao longo do ano de 2021, a distribuidora registrou 1.228 interrupções no fornecimento de energia elétrica provocadas por furto de cabos da rede elétrica em todo o estado.

De 1 janeiro a 28 de junho de 2022, já foram registradas 1.844 ocorrências causadas pelo mesmo motivo – o que representa um aumento de 500% em relação ao mesmo período do ano passado (306 ocorrências de furto entre 1 janeiro a 28 de junho de 2021).

Veja

Furto de cabos de energia deixa cidade do São Rafael sem abastecimento de água

Furto de cabos elétricos provoca desabastecimento de água em 5 bairros de Mossoró
 
Em todos os casos, a distribuidora registrou o boletim de ocorrência junto à autoridade policial e vem empreendendo todos os esforços para recompor a rede elétrica, a cada novo evento, o mais rápido possível.
 
O furto de cabos da rede elétrica provoca transtornos no fornecimento de energia para as unidades consumidoras, e tem colocado em risco o funcionamento de unidades de saúde, empresas e empreendimentos turísticos no interior e litoral potiguar.
 
A Neoenergia Cosern ressalta que vem compartilhando informações e acompanhando as ações com a Secretaria de Segurança Pública para colaborar com a busca por soluções para o problema.
 

Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário