23 FEV 2019 | ATUALIZADO 18:10
ESTADO

MP abre inquérito para investigar gastos elevados com combustíveis na Câmara de São Miguel

No mesmo inquérito, o Ministério Público apura o suposto uso de veículos oficiais da Câmara Municipal em atividades particulares. Portaria consta no Diário Oficial do Estado do sábado, 9.
Da redação
11/06/2018 07:45
Atualizado
13/12/2018 16:08
A+   A-  
MP abre inquérito para investigar gastos elevados com combustíveis na Câmara de São Miguel
Assessoria Câmara Municipal de São Miguel
O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) abriu inquérito civil para investigar o uso de veículos da Câmara Municipal de São Miguel em atividades particulares e o gasto excessivo com combustíveis. A Portaria Nº 0026/2018, que converte o procedimento preparatório em inquérito civil, foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), no último sábado, dia 9.

Conforme o documento, o procedimento foi instaurado há mais de 180 dias objetivando “investigar a utilização ilegal de veículo de propriedade da Câmara de Vereadores de São Miguel e o gasto excessivo com combustível”.

Ocorre que, segundo o Ministério Público, o caso ainda necessita de adoção de determinadas diligências a fim de melhor elucidar a denúncia, antes da tomada de medidas mais extremas, seja na esfera extrajudicial ou judicial. 

O caso chegou ao MP por meio de denúncia anônima. Por meio de ofício, o MP solicitará à Câmara de São Miguel a remessa de levantamento completo para que informe quais os veículos que atualmente integram o acervo patrimonial da Casa Legislativa, com a respectiva documentação comprobatória, bem assim apresentando lista nominal contendo todos os profissionais (e os respectivos documentos) responsáveis pela condução desses meios de transporte.

Na portaria, o MP informa que Adalcina Vieira de Almeida e o Francisco Adamilton Gonçalves serão notificados para prestar esclarecimentos sobre o caso na Promotoria.

Veja Portaria AQUI

Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário