17 JAN 2019 | ATUALIZADO 18:28
POLÍCIA

Médico e outros três são presos pelo assassinato de Dona Chica, de Patu

Mataram por pura perversidade, diz o delegado Sandro Régis, da Delegacia Regional de Patu; O médico preso é Wilson Jales, psiquiatra, que já é investigado por outros crimes na região do médio oeste; VEJA O VÍDEO no momento da prisão
09/01/2019 09:49
Atualizado
09/01/2019 16:21
A+   A-  
Médico e outros três são presos pelo assassinato de Dona Chica, de Patu
Suspeitos foram presos no Centro da cidade de Patu numa camioneta branca e portavam uma pistola calibre 380, possivelmente a usada no crime

O delegado Sandro Régis, em parceria com a Polícia Militar, prendeu quatro suspeitos de matar a aposentada Francisca Alves Silva Oliveira, de 68 anos, popularmente conhecida na região por Dona Chica de Nonato, no início da manhã desta quarta-feira, 9, no trevo de acesso da cidade de Rafael Godeiro a Patu.

O principal suspeito preso é o médico Wilson Édino de Freitas Jales, que trabalha em Mossoró e em várias outras cidades da região.

Veja mais

Médico que matou Dona Chica é investigado por ter mando matar a ex e outras três pessoas em Patu e Areia Branca

“Mataram por pura perversidade”, diz o delgado Sandro Régios, da Delegacia Regional de Patu, que não tem dúvidas da participação do médico no crime que deixou como vítima Dona Chica.

Com os suspeitos foi apreendido a possível arma usada no crime: uma pistola calibre 380. Um dos suspeitos falou aos policiais que o médico Wilson Jales parou a camioneta, desceu e atirou na cabeça de Dona Chica, sem motivação alguma.

Os quatro foram localizados no Centro da cidade de Patu, depois que a policia recebeu informações da população. Estavam alcoolizados. O médico Wilson Edino de Freitas Jales demonstrava sinais claros  de está drogado. Um dos presos já teria revelado a policia, que o médico seria responsável também por outros crimes na região.

Veja o vídeo divulgado pelos moradores vizinhos do local da prisão.


A Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social já designou um delegado especial que já está á caminho de Patu para auxiliar o delegado regional Sandro Régis nas investigações. 

Os nomes dos outros suspeitos presos na mesma ocasião que o médico serão revelados ainda hoje pela Policia Civil. O assassinato de Dona Chica causou revolta em toda região Oeste do Rio Grande do Norte.

O delegado Sandro Regis informou que não tem dúvidas de que o médico Wilson Jales cometeu o crime está o autuando em flagrante por homicídio qualificado e por tentativa de homicídio também qualificado.

Após o procedimento na Delegacia, o processo sobe para o Poder Judiciário certamente com o pedido de prisão preventiva contra o médico Wilson Jales, diante das circunstâncias que tudo transcorreu.

Seu Nonato e Dona Chica estava fazendo a caminha matinal que faziam todos os dias por recomendação médica. Foram surpreendidos pelo médico Wilson Jales, que parou o veículo ao lado, desceu e atirou a queima roupa.

Não havia chances de defesa. Apos o crime, o suspeitos fugiram na direção de Rafael Godeiro e horas depois já estavam na cidade de Patu, onde foram localizados e presos.



Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário