24 ABR 2024 | ATUALIZADO 18:39
ECONOMIA
Com informações: UOL
29/08/2015 19:07
Atualizado
13/12/2018 04:45

Diante de reações negativas, Governo desiste de recriar a CPMF

A+   A-  
A presidente se reuniu com ministros da área econômica neste sábado.
Imagem 1 -  Diante de reações negativas, Governo desiste de recriar a CPMF
Antônio Cruz/ABR

A presidente Dilma Rousselff desistiu neste sábado (29) de propor a recriação da CPMF, o chamado imposto do cheque, para cobrir um rombo de R$ 80 bilhões no Orçamento da União de 2016.

A decisão foi tomada durante reunião neste sábado (29) à tarde da presidente com o s ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil) e Nelson Barbosa (Planejamento).

Durante a reunião, a avaliação feita é que a reação contrária à ideia, principalmente de aliados e empresários, foi muito forte e inviabilizou sua aprovação neste ano.

agora, o governo pretende fazer uma discussão de médio e longo prazos sobre o financiamento da saúde. Nesta discussões, a ideia de recriar a CPMF pode ser levantada novamente.

A ideia de criar um novo imposto para financiar a saúde enfrentou resistência na Câmara e no Senado. Parlamentares da base aliada e da oposição divergem sobre a proposta e falta consenso até mesmo dentro do PT.

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário