17 JAN 2020 | ATUALIZADO 19:04
NACIONAL

Presos do regime aberto poderão andar de graça em ônibus de Fortaleza

A gratuidade da passagem foi garantida através de um acordo assinado entre o TJCE e o Sindiônibus. Ela é válida também para apenados que estão nos regimes semiaberto e em liberdade condicional e que fazem parte do programa de ressocialização Novo Tempo.
COM INFORMAÇÕES DO TJCE
06/12/2019 16:31
Atualizado
06/12/2019 16:31
A+   A-  
Imagem 1 -
FOTO: DIVULGAÇÃO

Um acordo assinado entre o Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Ceará (Sindiônibus), vai garantir a gratuidade em ônibus de Fortaleza para apenados que estão nos regimes aberto, semiaberto e liberdade condicional.

O acordo foi assinado na quarta-feira (4) entre o presidente do TJCE, desembargador Washington Araújo, e o presidente do Sindiônibus, Dimas Barreira.

A medida beneficiará os apenados que fazer parte do Programa um Novo Tempo e que apresentarem situação de extrema vulnerabilidade.

“O convênio tem um aspecto social muito importante, pois vai de encontro à visão negativa que algumas pessoas têm dos egressos e apenados”, afirmou o presidente da Corte.

Conforme o documento, o transporte gratuito é dado apenas para o deslocamento da residência para o local onde ocorrem as atividades educacionais de reabilitação promovidas pelo programa, para participar de cursos de Ensino Fundamental e Médio e demais atividades que objetivam a capacitação e integração deles à sociedade.

“O Sindiônibus fica feliz em poder participar desse programa que visa ajudar as pessoas do Sistema Penitenciário a mudarem sua condição e não precisarem mais voltar”, ressaltou o presidente do Sindicato, Dimas Barreira.

O TJCE explica também que, atualmente, somente 30 pessoas estão no perfil exigido pelo convênio e, portanto, com assistência do transporte gratuito.


Notas

Andrews aluga

Publicidades

Bolsas 100% MOSSORÓ

Outras Notícias

Deixe seu comentário