04 JUN 2020 | ATUALIZADO 19:07
ESTADO
28/03/2020 20:44
Atualizado
28/03/2020 21:09

Presidente da CAERN alerta para possível colapso no abastecimento

A+   A-  
Segundo ele, o consumo de água aumento substancialmente com a crise e o confinamento das famílias para evitar a propagação do vírus e que pode falta águe se não acontecer da população economizar
Imagem 1 -  Roberto Sérgio alerta que houve aumento substancial no consumo de água com o isolamento social devido ao coronavirus e que se a população do RN não economizar vai faltar água
Roberto Sérgio alerta que houve aumento substancial no consumo de água com o isolamento social devido ao coronavirus e que se a população do RN não economizar vai faltar água
Foto: Agora RN

O presidente da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN), Roberto Sérgio, diz que o consumo de água aumentou substancialmente durante o período que a população está em casa no isolamento social devido ao coronavirus e pede que economizem água, explicando que ao continuar neste mesmo ritmo, vai faltar água nas torneiras.

O apelo está em vídeo enviado a população através das redes sociais. Roberto Sérgio cita o exemplo do condomínio que mora. Segundo ele, o consumo era de 35 mil litros de água por dia e, com a crise do coronavirus, passou para 52 mil litros por dia.

Roberto Sérgio pede que se tome  banho de no máximo 3 minutos com chuveiro ligado. Recomenda que junte o máximo de roupa possível para lavar de uma só vez, e, evitar fazer isto, em água corrente.

O presidente lembra que água é tão importante quanto a área de saúde e ou álcool gel neste momento de crise.

Roberto Sérgio cita que as equipes da CAERN estão trabalhando dia e noite para garantir água tratada a todos, porém não se conseguiu aumentar a demanda de água no sistema, ao contrário do que aconteceu com consumo. 

"Se não economizar, segundo ele, vai faltar água. No ritmo que está indo, a CAERN não suportará. Vai haver desabastecimento. Uso racional da água é fundamental para que isto não aconteça”, diz Roberto Sérgio.


Notas

Compra Notebook

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário