22 ABR 2024 | ATUALIZADO 16:20
ECONOMIA
Hermes Castro com informações da Agencia Brasil
19/03/2015 11:54
Atualizado
13/12/2018 00:36

Economia: Após 3 dias de queda, dólar voltar a subir e bate R$ 3,30

A+   A-  
Alta acompanha recuperação no mercado externo e tensão no Congresso. Moeda renovou máxima em quase 12 anos após declaração de Dilma.
Imagem 1 -  Economia: Após 3 dias de queda, dólar voltar a subir e bate R$ 3,30
Ilustração

A cotação momentânea do dólar anula a queda registrada nos últimos três dias e opera em forte alta nesta quinta-feira, 19, após ter batido a barreira de R$ 3,30 mais cedo.

Especialistas afirmam que essa variação se deu pelo fato do dólar acompanhar a recuperação no exterior e refletindo o atual momento de crise do Planalto com a base governista, crise que ganhou um novo ingrediente com a saída de Cid Gomes do Ministério da Educação.

Leia mais: Ministro confirma que deputados são "achacadores" e pede demissão


 No início da tarde, pouco antes das 13h, o dólar bateu a barreira dos R$ 3,30, maior valor registrado em quase 12 anos. Por volta das 13h30, após uma pequena queda, o dólar voltou a aumentar e avançava 2,29%, a R$ 3,2877 na venda.

Economistas da "Capital Economics", em nota a seus clientes, afirmaram que "O rali de moedas emergentes após a conclusão da reunião do Fed de ontem se provou pouco duradouro".

Nesta manhã, o euro caía quase 2% contra o dólar nesta sessão, após mostrar na véspera o maior avanço desde março de 2009. O movimento da sessão passada aconteceu após o Fed reduzir suas projeções de crescimento, inflação e juros, alimentando apostas de que os juros norte-americanos continuarão quase zerados até o segundo semestre.

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário