08 MAR 2021 | ATUALIZADO 21:17
MOSSORÓ
21/02/2021 09:40
Atualizado
21/02/2021 10:50

Prefeitura amplia força tarefa para evitar inundações em Mossoró-RN

A+   A-  
O trabalho realizado até agora, conseguiu amenizar a situação no entorno da Cobal, na região dos Teimosos, Bairro Santo Antônio, entre outros. Na chuva deste sábado, 21, foram registrados alagamentos nas avenidas João da Escóssia e Diocesana, também nos bairros Aeroporto II e Belo Horizonte, além de diversos outros pontos isolados. Veja plano para reduzir estes alagamentos!
Imagem 1 -  O trabalho realizado até agora, conseguiu amenizar a situação no entorno da Cobal, na região dos Teimosos, Bairro Santo Antônio, entre outros.  Na chuva deste sábado, 21, foram registrados alagamentos nas avenidas João da Escóssia e Diocesana, também nos bairros Aeroporto II e Belo Horizonte, além de diversos outros pontos isolados. Veja plano para reduzir estes alagamentos!
O trabalho realizado até agora, conseguiu amenizar a situação no entorno da Cobal, na região dos Teimosos, Bairro Santo Antônio, entre outros. Na chuva deste sábado, 21, foram registrados alagamentos nas avenidas João da Escóssia e Diocesana, também nos bairros Aeroporto II e Belo Horizonte, além de diversos outros pontos isolados. Veja plano para reduzir estes alagamentos!
FOTO: WILSO MORENO

As equipes de limpeza da Prefeitura Municipal informam que intensificaram os trabalhos de prevenção aos alagamentos e monitoramento da cidade de Mossoró após a chuva de 47,5mm que caiu na tarde deste sábado, 20. O trabalho realizado até agora, conseguiu amenizar a situação no entorno da Cobal, na região dos Teimosos, Bairro Santo Antônio, entre outros.

Foram registrados alagamentos nas avenidas João da Escóssia e Diocesana, também nos bairros Aeroporto II e Belo Horizonte, além de diversos outros pontos isolados.

Além dos problemas gerados por décadas sem investimentos em drenagem, as equipes de manutenção da Prefeitura também observaram problemas nos próprios públicos. “Com as primeiras chuvas já foram verificados diversos transtornos em prédios públicos, além de problemas em algumas vias públicas”, comentou o Prefeito Allyson Bezerra.

A Secretaria de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos, realizou visitas em diversos pontos críticos neste sábado, 20. Brenno Queiroga, secretário da pasta, visitou a Lagoa do Bispo, acompanhando os serviços executados pelas equipes no tocante a prevenção aos alagamentos comuns nesta época do ano.

 “Logo que começou a chuva fomos visitar todos os locais e identificamos pontos críticos que ainda serão contemplados com os trabalhos que estamos realizando desde o início do ano. Ainda deu tempo de realizar um trabalho preventivo antes das primeiras chuvas aqui em Mossoró. Conseguimos limpar vários canais e lagoas, inclusive, neste sábado, realizamos esses serviços”, explicou Brenno Queiroga.

O prefeito Allyson Bezerra, o secretário Breno Queiroga e o chefe de Gabinete Kadson Eduardo se reuniram na noite deste sábado, dia 20, para discutir meios de manter e ampliar os trabalhos para evitar inundações em Mossoró em função das chuvas, que estão previstas de caírem nos próximos dias.


Desde o início da gestão, a Prefeitura vem atuando na prevenção aos transtornos ocasionados pelas chuvas através da operação Mossoró Limpa, uma força tarefa que vem realizando serviços de limpeza e obras estruturantes em diversos bairros da cidade. “Com a ação do Mossoró Limpa, que começamos nos primeiros dias de gestão, hoje, o problema foi bem menor caso não tivéssemos tomado as providências”, pontuou o secretário.

“A operação Mossoró Limpa foi importante para que diversas ruas e bairros não sofressem tanto com os estragos ocasionados pelas chuvas. A situação foi amenizada em muitos pontos de Mossoró. Seguiremos de plantão, acompanhando o trabalho das equipes da Defesa Civil e da Secretaria de Infraestrutura”, destacou o Prefeito de Mossoró.

A Secretaria de Infraestrutura, Meio Ambiente, Urbanismo e Serviços Urbanos, seguirá pelos próximos dias realizando serviços e obras. “O trabalho não para e já seguiremos nos preparando para as próximas chuvas, limpando bocas de lobo, galerias, canais, lagoas, fazendo o uso de máquinas pesadas, quando necessário”, evidenciou o secretário.

O compromisso do Município é monitorar constantemente a situação nos pontos críticos e demais áreas da cidade, agindo com rapidez e tomando as medidas necessárias para evitar maiores complicações para a população. “Continuaremos com esse trabalho continuo e diário, preventivo e direto. Seguiremos planejando e com equipes de plantão”, concluiu Allyson Bezerra.

O plano de trabalho para reduzir inundações no entorno da Cobal

O plano da Prefeitura de Mossoró para evitar inundações no entorno da Coba, como acontece há anos, é continuar a limpeza das vias, das bocas de lobo e desobstrução do canal final (por traz do Hiper Queiroz) e a desobstrução parcial dos canais de alimentação do sistema.

É meta da Prefeitura de Mossoró aumentar a capacidade da Lagoa do Bispo, reduzindo, assim, a contribuição imediata no pico da chuva, no envio de água na direção da Cobal. Reduz inundações nas Avenidas Diocesana e também João da Escóssia.

“Até o final do trabalho que está em andamento teremos, ampliação da capacidade de captação com substituição das tampas das caixas de captação, desobstrução total do canal principal (hoje 50% obstruído) e o aprimoramento da estrutura de captação e bombeamento da Lagoa do Bispo, reduzindo a vazão de pico das chuvas que contribuem para inundar o entorno da Cobal e as Avenidas Diocesana, João da Escócia e as vezes no entorno do Colégio Diocesano.


Notas

Posto JP Fevereiro de 2021

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário