23 JUN 2021 | ATUALIZADO 18:15
MOSSORÓ
11/06/2021 11:08
Atualizado
11/06/2021 11:39

MCJ 2021 Virtual fará teste de covid em todos os artistas do evento

A+   A-  
Todos os artistas envolvidos no MCJ 2021 virtual serão testados para a covid-19 e as transmissões acontecerão respeitando a quantidade de pessoas estabelecidas no plano sanitário do evento.
Imagem 1 -

O Mossoró Cidade Junina 2021 que este ano vai acontecer de forma virtual, terá início amanhã, 12 de junho, a partir do meio-dia, com a live do Pingo da Mei Dia. A programação completa do evento também será lançada pela Prefeitura de Mossoró por meio da Secretaria Municipal de Cultura durante a live.

Todas as apresentações do MCJ virtual serão transmitidas pelo canal oficial da prefeitura no YouTube. Em entrevista ao Mossoró Hoje nas Ondas do Rádio desta sexta-feira (11), o secretário de Cultura, Etevaldo Almeida, disse que todo o evento foi pensado e planejado seguindo as recomendações sanitárias de prevenção a covid-19.

“Fizemos uma integração e montamos o nosso plano sanitário junto com a secretaria de saúde de Mossoró para que o evento pudesse transcorrer com segurança” disse Etevaldo.

Todos os artistas envolvidos no MCJ virtual serão testados para a covid-19 e as transmissões acontecerão respeitando a quantidade de pessoas estabelecidas no plano sanitário.

A live do Pingo da Mei Dia terá os shows on-line transmitidos diretamente do palco do Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, onde acontecem as apresentações do Polo Estação das Artes e contará com cinco atrações: Nilson Vianna; Beth e Jamir; André Luví; João Neto Pegadão; e Gianini Alencar. As apresentações serão alternadas entre Polo Estação das Artes e o Polo Cidadela que acontece no teatro Lauro Monte Filho.

O MCJ contará com quatro polos, o primeiro é o polo Estação das Artes que acontece no Teatro Dix-huit Rosado, onde irão se apresentar as bandas credenciadas no chamamento público.

O segundo será o polo Cidadela, onde irão se apresentar o artistas e bandas que tradicionalmente faziam os shows naquele espaço. O polo Cidadela será no Teatro Lauro Monte Filho.

Outro polo é o Chuva de Balas, um dos mais aguardados do MCJ que este ano será exibido em formato de filme, com 72 artistas no elenco, fazendo uma integração entre teatro e cinema. A primeira exibição será no dia 23 de junho as 19h no canal oficial da Prefeitura no YouTube.

“Tradicionalmente o Chuva de Bala é encenado em um cenário de teatro montado ao ar livre, mas nesta edição devido à pandemia da Covid-19, será em formato de cinema. A estreia da exibição é no dia 23 de junho. O filme do Chuva de Bala é uma das iniciativas culturais da Secretaria Municipal de Cultura para valorizar a cultura mossoroense, gerando renda para mais de 100 artistas e profissionais envolvidos na produção” destaca o secretário.

E por último, polo de cultura popular, que também fará parte do MCJ Virtual com projetos e ações de cultura popular valorizando as ações realizadas dentro do Cidade Junina. Este polo acontece no espaço da TV Cabo Mossoró, TCM.

“Neste polo iremos trabalhar os regionais das quadrilhas com a apresentação de 4 regionais de juninos, com dois casais de cada quadrilha. 12 quadrilhas do município se inscreveram e foram habilitadas para participar, nós queremos valorizar a representatividade dos artistas que trabalham a cultura popular” afirma.

A tradição junina, patrimônio cultural dos mossoroenses será valorizada em várias ações culturais, respeitando a vida e gerando renda para centenas de artistas, músicos e outros profissionais do município. O MCJ Virtual acontece de 12 a 27 de junho, totalmente on-line com transmissão pelo canal youtube.com/prefeiturademossorooficial.


Notas

Posto JP - Maio de 2021

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário