17 MAI 2022 | ATUALIZADO 12:24
ESTADO
18/01/2022 17:21
Atualizado
18/01/2022 17:21

Empreendimentos promovem desenvolvimento econômico para Portalegre

A+   A-  
Os empreendimentos são nas áreas de produção de polpa de fruta, mel e de confecção, que somam R$ 788 mil, gerando empregos para dezenas de famílias. Os recursos estaduais foram viabilizados pelo Governo Cidadão, Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Pesca (SAPE) e Secretaria Estadual de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), por meio do acordo de empréstimo com o Banco Mundial.
Imagem 1 -

O secretário de Gestão de Projetos e Metas e coordenador do Projeto Governo Cidadão, Fernando Mineiro, vistoriou neste sábado (15), em Portalegre, três empreendimentos que promovem o desenvolvimento da região do Alto Oeste. O gestor ouviu produtores para viabilizar possíveis avanços às iniciativas, como capacitações.

As ações visitadas, nas áreas de produção de polpa e mel e de confecção, somam R$ 788 mil, gerando empregos para dezenas de famílias. Os recursos estaduais foram viabilizados pelo Governo Cidadão, Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Pesca (SAPE) e Secretaria Estadual de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), por meio do acordo de empréstimo com o Banco Mundial.

Na sede da Associação dos Produtores Rurais de Portalegre (Aprup), que há 10 anos produz polpa de goiaba, acerola, caju, cajá, manga e cajarana, foram investidos R$ 442 mil para reforma e ampliação da fábrica, compra de máquinas, de equipamentos e de um caminhão frigorífico, além de criação de logomarca e rotulagem para a polpa produzida.

Já na casa de mel mantida pela Associação dos Produtores Rurais do Sítio Alexandre Pinto, o investimento do Governo soma R$ 196 mil para reforma e ampliação da agroindústria, aquisição de equipamentos e criação de logomarcas.

E na comunidade quilombola do Sobrado, onde fica a Associação Negros Felicianos do Alto, uma mini-fábrica de confecção foi montada e cursos de capacitação foram ministrados pelo Senai/RN com o investimento de R$ 178 mil.

Localizada no polo turístico serrano potiguar, o município de Portalegre atrai turistas pelo seu clima ameno, favorecido pela sua altitude de mais de 600 metros, e por suas paisagens verdejantes que duram o ano inteiro. Para alavancar o desenvolvimento local, o Governo do Estado investiu, ao todo, R$ 930 mil em seis investimentos. Além dos investimentos já citados, a cidade também foi beneficiada com a sinalização turística do polo serrano (R$ 67 mil), cujas placas indicam a localização de locais como a igreja matriz e mirantes diversos, e com Projetos de Inovação Pedagógica (PIP - R$ 75 mil).

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário