13 ABR 2024 | ATUALIZADO 13:43
MOSSORÓ
20/02/2024 15:40
Atualizado
20/02/2024 15:40

Semear 2024: corte de terra será lançado nesta quarta-feira (21) em Mossoró

A+   A-  
O Programa Semear incentiva o pequeno agricultor familiar através do fornecimento gratuito de óleo diesel para o corte de terra na zona rural. Cada agricultor recebe uma quantidade de óleo definida pela Seadru. O lançamento do programa de corte de terra será realizado no Parque de Exposições Armando Buá, às 9 horas desta quarta- feira (21).
Imagem 1 -  O Programa Semear incentiva o pequeno agricultor familiar através do fornecimento gratuito de óleo diesel para o corte de terra na zona rural. Cada agricultor recebe uma quantidade de óleo definida pela Seadru. O lançamento do programa de corte de terra será realizado no Parque de Exposições Armando Buá, às 9 horas desta quarta- feira (21).
O Programa Semear incentiva o pequeno agricultor familiar através do fornecimento gratuito de óleo diesel para o corte de terra na zona rural. Cada agricultor recebe uma quantidade de óleo definida pela Seadru. O lançamento do programa de corte de terra será realizado no Parque de Exposições Armando Buá, às 9 horas desta quarta- feira (21).

Nesta quarta-feira (21), a Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria Municipal da Agricultura e Desenvolvimento Rural (Seadru), lançará a edição 2024 do Programa Semear. O lançamento do programa de corte de terra será realizado no Parque de Exposições Armando Buá, às 9 horas.

O Programa Semear incentiva o pequeno agricultor familiar através do fornecimento gratuito de óleo diesel para o corte de terra na zona rural. Cada agricultor recebe uma quantidade de óleo definida pela Seadru.

O programa existe há mais de 20 anos e ajuda aos produtores rurais das comunidades a produzirem os frutos da terra necessários à subsistência e ao crescimento da renda familiar.

“Convidamos todas as lideranças, todos os agricultores e agricultoras para estarem presentes ao lançamento do Programa Semear. As chuvas iniciaram de forma mais intensas. É um momento ideal e propício para podermos fazer o corte das terras”, destacou o titular da Seadru, Faviano Moreira.

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário