13 ABR 2024 | ATUALIZADO 13:43
MOSSORÓ
02/04/2024 16:29
Atualizado
02/04/2024 16:29

Caern inicia perfuração do poço do Rincão; investimento será de mais de R$ 10 milhões

A+   A-  
O poço começou a ser perfurado nesta terça-feira (2). Nos próximos 40 dias, a sonda perfuratriz irá escavar cerca de mil metros, ou seja, um quilômetro de profundidade. O poço irá reforçar o abastecimento de água da zona Leste, dentre eles: Rincão, Costa e Silva, Pintos, Parque Universitário, Loteamento Alto das Brisas, Portal de Mossoró e condomínios como o Ecoville e Ninho Residencial.
Imagem 1 -  Caern inicia perfuração do poço do Rincão; investimento será de mais de R$ 10 milhões. O poço começou a ser perfurado nesta terça-feira (2). Nos próximos 40 dias, a sonda perfuratriz irá escavar cerca de mil metros, ou seja, um quilômetro de profundidade. O poço irá reforçar o abastecimento de água da zona Leste, dentre eles: Rincão, Costa e Silva, Pintos, Parque Universitário, Loteamento Alto das Brisas, Portal de Mossoró e condomínios como o Ecoville e Ninho Residencial.
Caern inicia perfuração do poço do Rincão; investimento será de mais de R$ 10 milhões. O poço começou a ser perfurado nesta terça-feira (2). Nos próximos 40 dias, a sonda perfuratriz irá escavar cerca de mil metros, ou seja, um quilômetro de profundidade. O poço irá reforçar o abastecimento de água da zona Leste, dentre eles: Rincão, Costa e Silva, Pintos, Parque Universitário, Loteamento Alto das Brisas, Portal de Mossoró e condomínios como o Ecoville e Ninho Residencial.

A Caern iniciou nesta terça-feira (2) a perfuração do poço 33, localizado no bairro Rincão, em Mossoró. Nos próximos 40 dias, a sonda perfuratriz irá escavar cerca de mil metros, ou seja, um quilômetro de profundidade.

Os investimentos, em recursos próprios, são de mais de R$ 10 milhões. O poço irá reforçar o abastecimento de água da zona Leste, dentre eles: Rincão, Costa e Silva, Pintos, Parque Universitário, Loteamento Alto das Brisas, Portal de Mossoró e condomínios como o Ecoville e Ninho Residencial.

A perspectiva da Caern é que o poço entre em operação no mês de junho, momento em que a cidade possui um período de maior demanda hídrica devido aos festejos juninos.

Para o funcionamento do poço, a Caern solicitou à concessionária de energia a instalação de uma subestação de energia, já que o equipamento está situado fora da área urbana.

A água captada será bombeada para um novo reservatório, construído como parte do projeto, para posterior distribuição à população.

O poço se soma aos investimentos que a Companhia tem feito na cidade, dentre eles a ativação do novo P6 e as obras da Adutora Apodi-Mossoró.

“A Caern tem trabalhado incansavelmente e feito altos investimentos em Mossoró para assegurar que todo o mossoroense tenha água de qualidade em suas torneiras”, afirma o Diretor-Presidente da Caern, Roberto Linhares.


Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário