17 JUN 2024 | ATUALIZADO 12:28
ESTADO
16/05/2024 16:37
Atualizado
16/05/2024 16:38

Bombeiros do RN chegam a Porto Alegre para missão de apoio ao estado gaúcho

A+   A-  
O Rio Grande do Sul já registra 112 desaparecidos, 149 mortes, e 806 feridos devido aos grandes volumes de chuva que têm causado inundações em diversos municípios. Os onze bombeiros militares do RN, enviados para integrarem a força-tarefa humanitária no sul do país, foram designados pelo gabinete de gestão de crises do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (LIGABOM), para atuarem no município de Pelotas.
Imagem 1 -  Bombeiros do RN chegam a Porto Alegre para missão de apoio ao estado gaúcho. O Rio Grande do Sul já registra 112 desaparecidos, 149 mortes, e 806 feridos devido aos grandes volumes de chuva que têm causado inundações em diversos municípios. Os onze bombeiros militares do RN, enviados para integrarem a força-tarefa humanitária no sul do país, foram designados pelo gabinete de gestão de crises do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (LIGABOM), para atuarem no município de Pelotas.
Bombeiros do RN chegam a Porto Alegre para missão de apoio ao estado gaúcho. O Rio Grande do Sul já registra 112 desaparecidos, 149 mortes, e 806 feridos devido aos grandes volumes de chuva que têm causado inundações em diversos municípios. Os onze bombeiros militares do RN, enviados para integrarem a força-tarefa humanitária no sul do país, foram designados pelo gabinete de gestão de crises do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (LIGABOM), para atuarem no município de Pelotas.

Equipes do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte, chegaram, nesta quinta-feira (16), na cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Os bombeiros cumprem a missão de apoio ao estado gaúcho que já registra 112 desaparecidos, 149 mortes, e 806 feridos devido aos grandes volumes de chuva que têm causado inundações em diversos municípios.

Os onze bombeiros militares do RN, enviados para integrarem a força-tarefa humanitária no sul do país, foram designados pelo gabinete de gestão de crises do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (LIGABOM), para atuarem no município de Pelotas.

“O efetivo que enviamos é altamente capacitado para atuar em diversas frentes de resgate e salvamento. Além disso, dois cães especializados também irão auxiliar as forças de segurança na procura por desaparecidos. Ainda não há data de retorno dos nossos militares”, disse o coronel Franklin, subcomandante geral do CBMRN.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul, apesar do nível das águas dos rios estarem baixando, a cidade ainda enfrenta os transtornos das inundações e necessita de ajuda humanitária, patrulhamento, resgate e salvamento.

DOAÇÕES

O CBMRN está arrecadando doações de alimentos não perecíveis, água e roupas de frio para o povo gaúcho. A população pode deixar suas doações em qualquer quartel da Instituição que estão abertos 24 horas por dia para receber os donativos.


Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário