24 JUN 2024 | ATUALIZADO 16:24
EDUCAÇÃO
21/05/2024 11:04
Atualizado
21/05/2024 11:04

Primeira unidade do IERN no estado já está em funcionamento

A+   A-  
O IERN Natal foi inaugurado nesta segunda-feira (20). A primeira unidade do Instituto Estadual de Educação Profissional, Tecnologia e Inovação do Rio Grande do Norte vai oferecer os cursos de Técnico em Redes de Computadores e Técnico em Química, totalizando 160 vagas. Os cursos foram escolhidos pela própria comunidade em processo participativo, que incluiu plenárias e audiências públicas envolvendo estudantes, comunidade, lideranças locais e o setor produtivo.
Imagem 1 -  Primeira unidade do IERN no estado já está em funcionamento.O IERN Natal foi inaugurado nesta segunda-feira (20). A primeira unidade do Instituto Estadual de Educação Profissional, Tecnologia e Inovação do Rio Grande do Norte vai oferecer os cursos de Técnico em Redes de Computadores e Técnico em Química, totalizando 160 vagas. Os cursos foram escolhidos pela própria comunidade em processo participativo, que incluiu plenárias e audiências públicas envolvendo estudantes, comunidade, lideranças locais e o setor produtivo.
Primeira unidade do IERN no estado já está em funcionamento.O IERN Natal foi inaugurado nesta segunda-feira (20). A primeira unidade do Instituto Estadual de Educação Profissional, Tecnologia e Inovação do Rio Grande do Norte vai oferecer os cursos de Técnico em Redes de Computadores e Técnico em Química, totalizando 160 vagas. Os cursos foram escolhidos pela própria comunidade em processo participativo, que incluiu plenárias e audiências públicas envolvendo estudantes, comunidade, lideranças locais e o setor produtivo.

A governadora Fátima Bezerra inaugurou, nesta segunda-feira (20), a primeira das 12 unidades do Instituto Estadual de Educação Profissional, Tecnologia e Inovação (IERN), abrindo as portas da educação profissional pública, gratuita e de qualidade para milhares de jovens no Rio Grande do Norte.

A construção dos institutos integra o Programa Nova Escola Potiguar (PNEP) e vem se somar a outras iniciativas para elevar a qualidade do ensino médio do RN, como a ampliação das matrículas em escolas de tempo integral.

No primeiro momento, o IERN Natal vai oferecer os cursos de Técnico em Redes de Computadores e Técnico em Química, totalizando 160 matrículas. Os cursos foram escolhidos pela própria comunidade em processo participativo, que incluiu plenárias e audiências públicas envolvendo estudantes, comunidade, lideranças locais e o setor produtivo.

“Este é um momento de celebração, de reconhecer o trabalho e o esforço de todos. Não tenho dúvida de que estamos fazendo história neste momento. Os IERNs vão tornar o Rio Grande do Norte em referência do Nordeste e do Brasil na educação profissional. Este é meu sonho, o sonho da juventude de Natal. E nos inspiramos naquilo que o Brasil tem melhor, que é o modelo dos institutos federais”, disse a governadora.

Fátima Bezerra lembrou que três outras escolas, atualmente em fase de conclusão, vão entrar em funcionamento em breve. São elas as de Campo Grande, no Médio Oeste; Jardim de Piranhas, no Seridó Ocidental; e Alexandria, na microrregião de Pau dos Ferros.

A interiorização do ensino técnico – reforçou a governadora – representa um divisor de largo apelo social, capaz de colaborar decisivamente com a melhoria da qualidade de vida da população e de contribuir para a transformação econômica das regiões em que estão inseridas.

Na solenidade, a governadora dividiu com uma moradora da zona oeste, que também se chama Fátima Bezerra, a alegria do momento. Em 2021, em plena pandemia, quando visitou o terreno em que seria construída a escola, a moradora externou esperança de que finalmente aquele local passaria por transformação. “Transformamos aquele lixão nesta bela escola”, enfatizou a governadora.

O novo instituto dispõe de estrutura robusta que inclui 12 salas de aula, biblioteca, laboratórios, auditório, refeitório, quadra esportiva e ambientes de convivência. O investimento total foi de R$ 12,6 milhões.

“A inauguração do IERN Natal representa um marco significativo na educação profissional do Rio Grande do Norte, preparando os estudantes para os desafios do mercado de trabalho e contribuindo para o desenvolvimento econômico e social do estado. Este avanço reflete o compromisso do governo com a melhoria da qualidade da educação e a promoção de oportunidades para todos”, declarou a professora Socorro Batista, secretária de Estado da Educação.

A secretária homenageou os professores que colaboraram para o sucesso do projeto dos IERNs e prestou um tributo a grandes nomes da história do RN, citando Luís da Câmara Cascudo, Paulo Freire, Djalma Maranhão, Celina Guimarães, Alzira Soriano, Salizete Freire Soares, Joiran Medeiros “e tantos outros que construíram histórias e eternizaram seus legados para a Educação do Rio Grande do Norte”.

Aluna do Instituto Federal e presidente da União Metropolitana de Estudantes Secundaristas (UMES), Lilian Mireli, saudou a chegada do IERN na zona oeste de Natal: “o maior prazer que estou tendo aqui hoje é estar participando da inauguração deste IERN, no bairro onde eu moro, com educação plural, emancipatória, uma educação de qualidade”.

A agora estudante do IERN Natal, Jeniffer Nascimento, disse que estava concretizando um sonho. “É tudo muito novo pra mim, muito gratificante porque era um dos meus sonhos poder estudar nesta escola”. O diretor do IERN Natal, Joás Andrade, conclamou os alunos, pais e a comunidade a trabalhar para construir uma escola cada vez melhor. “Este ambiente será um marco de educação, de qualidade e de renovação”.

Representante do ministro Camilo Santana (Educação) na solenidade, Marcos Lael ressaltou que o IERN não é apenas uma escola, mas um novo conceito da educação e elogiou a determinação da governadora: “pensar em 12 Institutos Estaduais de Educação, Tecnologia e Inovação é um marco, é uma visão de futuro que merece ser destacada na história do Rio Grande do Norte e também na da educação”.

Desde a implementação da Política de Educação Profissional e Tecnológica (PEPT), o Rio Grande do Norte tem experimentado um crescimento significativo na educação profissional. Entre 2018 e 2023, o número de estudantes matriculados em cursos de educação profissional praticamente dobrou, passando de 5.343 para 10.299, com uma previsão de alcançar 13.000 estudantes em 2024 e 18.000 em 2026.

O estado atualmente conta com 72 instituições de ensino oferecendo educação profissional, com mais de 10 mil vagas disponíveis. A administração da governadora Fátima Bezerra tem sido fundamental para este crescimento, com um aumento de matrículas de 394% desde 2019. Até o final de 2024, espera-se que o número de instituições suba para 82, graças à conclusão das novas unidades dos IERNs.

Também participaram da solenidade, realizada na quadra de esportes da escola, o vice-governador Walter Alves; os deputados Natália Bonavides, Francisco Medeiros, Ubaldo Fernandes e Isolda Dantas; os vereadores de Natal, Brisa Bracchi, Milklei Leite, Herbert Sena, Daniel Valença e Robério Paulino; Oscar Hugo, promotor de Justiça da Educação; Naire Capistrano, secretária adjunta de Educação de Natal; Jarbas Brito, diretor da 1° Direc; Joás Andrade, diretor do IERN Natal; José Arnóbio, reitor do IFRN; Ênio Miranda, vice-reitor da UFRN; Irene Vandemberg, representante Cicília Maia, reitora da UERN; Sueldes Araújo, professor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA); Aléssio Trindade, representante da Fundação Getúlio Vargas; Aécio Cândido, presidente do Conselho Estadual de Educação, entre outros.


Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário