21 JUL 2024 | ATUALIZADO 13:56
MOSSORÓ
15/06/2024 15:07
Atualizado
15/06/2024 15:07

PT de Mossoro desiste de candidatura para apoiar Lawrence

A+   A-  
Durante plenária na manhã deste sábado (15), o PT Mossoró decidiu por compor uma frente ampla de oposição em apoio à pré-candidatura de Lawrence Amorim à prefeitura de Mossoró, pleiteando a vice candidatura pela Federação Brasil da Esperança. Isolda Dantas, presidenta do PT Mossoró, reforçou que “A união da oposição não é abrir mão de um projeto para Mossoró, mas fazer uma disputa real e muito necessária. Como diz a governadora: sigamos!”, destacou Isolda.
Imagem 1 -  Durante plenária na manhã deste sábado (15), o PT Mossoró decidiu por compor uma frente ampla de oposição em apoio à pré-candidatura de Lawrence Amorim à prefeitura de Mossoró, pleiteando a vice candidatura pela Federação Brasil da Esperança. Isolda Dantas, presidenta do PT Mossoró, reforçou que “A união da oposição não é abrir mão de um projeto para Mossoró, mas fazer uma disputa real e muito necessária. Como diz a governadora: sigamos!”, destacou Isolda.
Durante plenária na manhã deste sábado (15), o PT Mossoró decidiu por compor uma frente ampla de oposição em apoio à pré-candidatura de Lawrence Amorim à prefeitura de Mossoró, pleiteando a vice candidatura pela Federação Brasil da Esperança. Isolda Dantas, presidenta do PT Mossoró, reforçou que “A união da oposição não é abrir mão de um projeto para Mossoró, mas fazer uma disputa real e muito necessária. Como diz a governadora: sigamos!”, destacou Isolda.

Na manhã deste sábado (15), o Partido dos Trabalhadores de Mossoró realizou o seu encontro de tática eleitoral no Villa Oeste. Em ampla maioria, o PT decidiu por compor uma frente ampla de oposição em apoio à pré-candidatura de Lawrence à prefeitura de Mossoró, pleiteando a vice candidatura pela Federação Brasil da Esperança. 


Em sua resolução, o PT afirma a definição de fortalecimento da oposição por reconhecer que Allyson é “a nova extrema-direita e contrário aos interesses da classe trabalhadora e à transformação liderada por Lula, Fátima e o PT, gestor responsável pela precarização dos direitos dos servidores, desmonte das políticas culturais, descaso com a saúde da população, abandono dos bairros periféricos, enfraquecimento das instâncias democráticas e participação social do município”.


Isolda Dantas, presidenta do PT Mossoró, reforçou que “A união da oposição não é abrir mão de um projeto pra Mossoró mas fazer uma disputa real e muito necessária. Temos a responsabilidade de livrar Mossoró dessa gestão mentirosa e ditatorial. Como diz a governadora: sigamos!”

Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário