21 JUL 2024 | ATUALIZADO 16:16
ESTADO
17/06/2024 17:12
Atualizado
17/06/2024 17:12

Crianças do Projeto Sesc Cidadão visitam exposição na Assembleia Legislativa do RN

A+   A-  
Acompanhadas pelo professor de educação física Wenício e pela assistente social e responsável técnica do projeto, Samara Almeida, as crianças, com idades entre 8 e 15 anos, visitaram a exposição “Além do Imaginário: A arte popular potiguar, antes e depois de Xico Santeiro”, com o objetivo de ampliar seus conhecimentos de mundo e estimular um pensamento crítico e reflexivo. Atualmente, o projeto Sesc Cidadão atende 42 crianças em situação de vulnerabilidade social, proporcionando-lhes oportunidades educativas e culturais. A mostra está aberta na na Assembleia Legislativa desde o dia 10, oferece uma imersão na rica tradição da arte popular potiguar.
Imagem 1 -  Acompanhadas pelo professor de educação física Wenício e pela assistente social e responsável técnica do projeto, Samara Almeida, as crianças, com idades entre 8 e 15 anos, visitaram a exposição “Além do Imaginário: A arte popular potiguar, antes e depois de Xico Santeiro”, com o objetivo de ampliar seus conhecimentos de mundo e estimular um pensamento crítico e reflexivo. Atualmente, o projeto Sesc Cidadão atende 42 crianças em situação de vulnerabilidade social, proporcionando-lhes oportunidades educativas e culturais.  A mostra está aberta na na Assembleia Legislativa desde o dia 10, oferece uma imersão na rica tradição da arte popular potiguar.
Acompanhadas pelo professor de educação física Wenício e pela assistente social e responsável técnica do projeto, Samara Almeida, as crianças, com idades entre 8 e 15 anos, visitaram a exposição “Além do Imaginário: A arte popular potiguar, antes e depois de Xico Santeiro”, com o objetivo de ampliar seus conhecimentos de mundo e estimular um pensamento crítico e reflexivo. Atualmente, o projeto Sesc Cidadão atende 42 crianças em situação de vulnerabilidade social, proporcionando-lhes oportunidades educativas e culturais. A mostra está aberta na na Assembleia Legislativa desde o dia 10, oferece uma imersão na rica tradição da arte popular potiguar.

Os olhares atentos e curiosos das crianças do projeto Sesc Cidadão se voltaram para as peças da exposição “Além do Imaginário: A arte popular potiguar, antes e depois de Xico Santeiro” logo cedo, na manhã desta segunda-feira (17), na Assembleia Legislativa do RN. A mostra, aberta desde o dia 10, oferece uma imersão na rica tradição da arte popular potiguar.

Acompanhadas pelo professor de educação física Wenício e pela assistente social e responsável técnica do projeto, Samara Almeida, as crianças, com idades entre 8 e 15 anos, visitaram a exposição com o objetivo de ampliar seus conhecimentos de mundo e estimular um pensamento crítico e reflexivo. Atualmente, o projeto Sesc Cidadão atende 42 crianças em situação de vulnerabilidade social, proporcionando-lhes oportunidades educativas e culturais.

Durante a visita, algumas obras chamaram a atenção dos jovens visitantes. Alice Beatriz, de 10 anos, ficou fascinada pela matriz de xilogravura do artista J. Campos: “Achei muito interessante”. Bryan Teixeira, de 9 anos, se encantou com uma das imagens de Cristo esculpidas por Xico Santeiro. “A cor me agradou muito. E saber que é de pedra, mas foi feita à mão também”, comentou, admirado.

A exposição conta com 22 peças de Xico Santeiro (1898-1966), oriundas de coleções particulares de Haroldo Maranhão, Augusto Viveiros, Francisco Francinildo e Alexandre Gurgel. Além disso, estão expostas peças raras da pré-era Xico Santeiro, fornecidas pelo professor e colecionador de arte popular Antônio Marques, datadas entre os séculos XVIII e XIX.

No total, mais de 60 obras estão em exibição, traçando uma linha do tempo da arte popular potiguar desde suas origens até a produção contemporânea, incluindo trabalhos de 31 artistas catalogados. As peças foram cedidas por diversos colecionadores, entre eles o Padre Jocimar Dantas e o escritor Lívio Oliveira.

Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário