21 JUL 2024 | ATUALIZADO 13:56
MOSSORÓ
21/06/2024 15:08
Atualizado
21/06/2024 15:08

“Teremos um inverno com menos chuvas e baixas temperaturas”, diz meteorologista

A+   A-  
Para a região Nordeste, a previsão é de temperaturas mais amenas. Segundo o professor e meteorolista da Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa), José Espínola, o inverno está caracterizado por baixas temperaturas, os meses de julho e agosto, serão o período mais frio do ano na região nordeste, com temperaturas mínimas de 20°C a 22°C. Um outro fator que deverá ser observado é a diminuição das chuvas, o período chuvoso deve se concentrar no litoral leste do Nordeste onde deve chover até agosto.
Imagem 1 -  Para a região Nordeste, a previsão é de temperaturas mais amenas. Segundo o professor e meteorolista da Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa), José Espínola, o inverno está caracterizado por baixas temperaturas, os meses de julho e agosto, serão o período mais frio do ano na região nordeste, com temperaturas mínimas de 20°C a 22°C. Um outro fator que deverá ser observado é a diminuição das chuvas, o período chuvoso deve se concentrar no litoral leste do Nordeste onde deve chover até agosto.
Para a região Nordeste, a previsão é de temperaturas mais amenas. Segundo o professor e meteorolista da Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa), José Espínola, o inverno está caracterizado por baixas temperaturas, os meses de julho e agosto, serão o período mais frio do ano na região nordeste, com temperaturas mínimas de 20°C a 22°C. Um outro fator que deverá ser observado é a diminuição das chuvas, o período chuvoso deve se concentrar no litoral leste do Nordeste onde deve chover até agosto.

O inverno começou oficialmente nesta quinta-feira (20) e, segundo previsão dos meteorologistas, será marcado por temperaturas acima da média em praticamente todo o país.

Para a região Nordeste, a previsão é de temperaturas mais amenas, como explica o professor e meteorologista da Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa), José Espínola.

“O inverno está caracterizado por baixas temperaturas, inverno não é chuva como sertanejo aqui fala, o período chuvoso não acontece exatamente no período do inverno, nosso período chuvoso vai do verão para o outono como observamos este ano”, explica.

Espínola explica que os meses de julho e agosto, serão o período mais frio do ano na região nordeste, com temperaturas mínimas de 20°C a 22°C. O professor disse ainda que estamos entrando no começo da La Niña, que é quando a água fria do oceano Pacífico deverá incrementar massas de ar frio sobre a região Nordeste, fazendo com que agosto seja portanto o período mais frio do ano.

“A principal característica dessa estação deverá ser as baixas temperaturas. O inverno deverá ser frio e úmido, vez que a gente teve um período chuvoso muito bom que está terminando agora, em que na região choveu em torno de 1000 mm, então essas são as condições esperadas para os próximos dias aqui na nossa região”, disse Espínola.

Um outro fator que deverá ser observado é a diminuição das chuvas, o período chuvoso deve se concentrar no litoral leste do Nordeste onde deve chover até agosto.

“A medida em que a chuvas forem diminuindo, a umidade do ar vai baixando, vamos ter umidade mais baixas e entre agosto de setembro, terá iníco a temporada dos ventos mais fortes. De maneira geral o inverno deve trazer todas essas modificações para as condições de tempo e clima aqui na nossa região”, finalizou.


Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário