22 MAI 2019 | ATUALIZADO 18:23
CONCURSOS

PRF retoma concurso com 500 vagas e divulga lista de aprovados

Agora, os candidatos poderão apresentar recursos sobre o resultado da prova discursiva a partir das 9 horas do dia 6 de março, até às 18h de 7 de março, no site do Cebraspe. No dia 8 deverão ser publicadas as justificativas de anulações ou alterações nos gabaritos preliminares da prova objetiva
DIÁRIO DO NORDESTE
01/03/2019 15:17
Atualizado
01/03/2019 15:18
A+   A-  
Polícia Rodoviária Federal retoma concurso com 500 vagas e divulga lista de aprovados
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) oficializou, por meio de publicação em diário oficial, nesta sexta-feira (1°), a retomada do seu concurso público para 500 vagas de policial rodoviário, suspenso desde a última semana
Yago Albuquerque

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) oficializou, por meio de publicação em diário oficial, nesta sexta-feira (1°), a retomada do seu concurso público para 500 vagas de policial rodoviário, suspenso desde a última semana. Com isto, também foi publicada a lista definitiva de aprovados na prova objetiva e resultado preliminar da prova discursiva.

Agora, os candidatos poderão apresentar recursos sobre o resultado da prova discursiva a partir das 9 horas do dia 6 de março, até às 18h de 7 de março, no site do Cebraspe. No dia 8 deverão ser publicadas as justificativas de anulações ou alterações nos gabaritos preliminares da prova objetiva.

O resultado da prova discursiva deve ser divulgado em 18 de março, com a convocação para os testes físicos e investigação social. Os testes físicos estão marcados para os dias 23 e 24 de março.

O concurso havia sido suspenso no dia 20 de fevereiro, em decorrência de uma ação popular na 2ª Vara Federal da Seção Judiciária do Ceará. Porém, pedido de liminar no Tribunal Regioal da 5 Região (TRF 5), no último dia 27, determinou a retomada do certame, condição tornada oficial com a publicação desta sexta-feira.

A decisão é do desembargador federal Vladimir Souza Carvalho, que entendeu não haver ilegalidade na regra que trata sobre os locais de aplicação das provas, motivo pelo qual o processo seletivo foi paralisado em 20 de fevereiro.

Na visão de Carvalho, o atual edital respeita o histórico de concursos da PRF. “A despeito de tornar a escolha do local de realização da prova menos cômoda para os candidatos, a regra observa os critérios de conveniência e oportunidade da Administração, eis que fundada em motivação razoável, uma vez que se buscou – com base na análise do histórico dos concursos da Polícia Rodoviária Federal, onde, após a nomeação, as tentativas de transferência/remoção são inúmeras -, assegurar que o candidato realize a prova no local onde informa que deseja ser lotado, evitando que vagas deixem de ser preenchidas por pessoas que não tenham o interesse efetivo em trabalhar naquela localidade”, escreveu o desembargador ao deferir o pedido de liminar.

O diretor-geral da corporação, Adriano Marcos Furtado, comemorou a retomada do concurso pelo Twitter. “Estou muito satisfeito por saber e poder informar a todos que o concurso para o cargo de policial rodoviário federal foi retomado. Sempre bom dar boas notícias. Bom para a instituição, bom para você, bom para o Brasil", escreveu.

Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário