21 AGO 2019 | ATUALIZADO 09:45
VARIEDADES

Avião que caiu com cantor Gabriel Diniz, do hit 'Jenifer', não podia fazer táxi aéreo

Forrozeiro criado na Paraíba, Gabriel Diniz ficou famoso nacionalmente com "Jenifer", hit do verão deste ano com sua letra gaiata sobre uma relação iniciada no aplicativo de relacionamento Tinder. Até hoje, a canção teve 60 milhões de audições no Spotify e 231 milhões de views no YouTube. O cantor era uma das atrações do Mossoró Cidade Junina. Ele se apresentaria no dia 27, ao lado da banda Cavaleiros do Forró e artistas locais
AGÊNCIA O GLOBO
27/05/2019 15:48
Atualizado
27/05/2019 17:01
A+   A-  

Dados preliminares da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) apontam que o avião Piper que caiu nesta segunda-feira (27) com Gabriel Diniz, cantor de "Jenifer", não podia fazer transporte aéreo regular de passageiros, só tendo autorização para voos de instrução.

O transporte irregular é conhecido popularmente como "taca" e, por ser clandestino, não precisa contratar seguro para o casco e os passageiros e não segue as normas técnicas e de documentação exigidas pelas autoridades. Assim, acaba sendo muitas vezes mais de 50% mais barato do que um táxi-aéreo regular e autorizado. 

Outras ocorrências de transporte sem autorização chamaram a atenção nos últimos tempos. Duas noivas a caminho do casamento caíram com aeronaves que faziam transporte clandestino, ambas a bordo de um helicóptero R44. Até a aeronave que levava a cantora Marília Mendonça e outro, da dupla sertaneja Maiara & Maraísa, chegaram a ser interditados. 

O presidente da Associação Brasileira de Táxis Aéreos, Jorge Bittar, diz que "os pilotos dos táxis piratas normalmente são "freelancers" e fazem conferência quanto à aptidão para pilotar a cada dois anos, por modelo amplo e genérico da aeronave, não sendo exigido a eles regras tão duras quanto aos que operam de forma regular e séria com o transporte de pessoas".

O cantor Gabriel Diniz, de 28 anos, morreu na tarde desta segunda-feira, num acidente aéreo no povoado Porto do Mato, em Estância, na região Sul de Sergipe. A polícia ainda não confirma se havia três ou quatro pessoas no voo. Amigos do artista reconheceram o corpo no local após acidente, segundo o G1. O cantor era uma das atrações do Mossoró Cidade Junina. Ele se apresentaria no dia 27, ao lado da banda Cavaleiros do Forró e artistas locais.

'Jenifer' 

Forrozeiro criado na Paraíba, Gabriel Diniz ficou famoso nacionalmente com "Jenifer", hit do verão deste ano com sua letra gaiata sobre uma relação iniciada no aplicativo de relacionamento Tinder. Até hoje, a canção teve 60 milhões de audições no Spotify e 231 milhões de views no YouTube. No clipe, a atriz Mariana Xavier, que viveu Marcelina no filme "Minha mãe é uma peça", surge como a "mulher divertida que deixa o cara ser quem ele é", com quem ele prefere estar, em vez de ao lado de uma "musa fitness".

— Nosso país é tão grande, tem tanta gente boa neste mercado, que alcançar o primeiro lugar das paradas é um sonho. Soube que “Jenifer” já está até fora do Brasil — afirmou o cantor em janeiro, para o "Extra".

“Jenifer” nasceu de uma piada entre amigos: Junior Lobo, um dos oito Big Jhows (turma goiana que se une para escrever letras), teve a ideia quando viu uma mulher abraçando um colega e, ao perguntar quem era, ouviu: “ela é do Tinder”. 

Sucesso que marcou a carreira de Gabriel Diniz, "Jenifer" por pouco não escapou do cantor. A canção estava nas mãos de Gusttavo Lima — que comprou os seus direitos e chegou a mostrá-la em alguns de seus shows. Lima, porém, resolveu abrir mão dela — os versos, que citam o aplicativo Tinder, não se encaixavam em seu momento romântico. Diniz acabou gravando-a e transformando-a no grande hit do último verão.


Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário