14 OUT 2019 | ATUALIZADO 12:12
POLÍCIA

Dono de Lava Jato é morto a tiros no Belo Horizonte, em Mossoró

A vítima foi identificada como Saulo Emanoel Anderson da Silva, de 21 anos. De acordo com informações da Polícia Militar, dois criminosos teriam chegado ao lava jato onde a vítima estava trabalhando e efetuaram vários disparos contra ele, que morreu no local.
DA REDAÇÃO
11/07/2019 10:14
Atualizado
11/07/2019 11:13
A+   A-  
Imagem 1 -
FOTO: REDES SOCIAIS

A Polícia Militar de Mossoró registrou um homicídio na manhã desta quinta-feira (11), em Mossoró. A vítima foi identificada como Saulo Emanoel Anderson da Silva, de 21 anos. Ele era dono de um posto de lavagem de carros, localizado no bairro Belo Horizonte.

De acordo com informações da polícia militar, dois homens chegaram o lava jato de Saulo, em uma moto, e efetuaram vários  disparos contra a vítima, que estava trabalhando no local.

A Polícia Civil também foi acionada e está analisando as imagens das câmera de segurança que existem no local, para tentar identificar os autores do crime.

As equipes no local aguardam a chegada do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) para remoção do corpo. O crime será investigados pela Delegacia Especializada em Homicídios de Mossoró.

Notas

João Carlos

Publicidades

Unicursos em Mossoró MOSSORÓ

Outras Notícias

Deixe seu comentário