21 SET 2019 | ATUALIZADO 14:25
POLÍCIA

Pistola do PM Ildônio é apreendida com traficante em Alexandria

Homem foi preso nesta quarta-feira (11), após chegar à delegacia, os policiais descobriram que a pistola que estava na posse de Tiago Silva Santos, de 25 anos, era a mesma que havia sido roubada do Cabo Ildônio José da Silva, assassinado em agosto de 2018.
DA REDAÇÃO
11/09/2019 16:58
Atualizado
11/09/2019 18:00
A+   A-  
Imagem 1 -

Nesta quarta-feira (11) a Polícia Militar prendeu Tiago Silva Santos, de 25 anos, em Alexandria, com uma pistola que pertencia ao Cabo PM Ildônio José da Silva, de 43 anos, assassinado na noite do dia 16 de agosto de 2018, quando viajava até Mossoró, onde estudava.

Veja mais:

"Eles entraram direto para o policial, eles sabiam que era policial", relata estudante sobre morte de PM

Universitária presa e autuada por ter passado informações para a quadrilha que matou Ildônio


Tiago foi preso durante uma operação conjunta entre o Grupo Tático Operacional (GTO) e a Rádio Patrulha da Polícia Militar de Alexandria, sob o comando do Capitão Júlio César, na RN 117, trecho entre Antônio Martins e Alegria. Ele reside na casa de familiares na cidade de João Dias.

A princípio, o homem foi preso por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e receptação de roubo. Ao ser levado para a delegacia da cidade, os policiais descobriram que a arma que estava com Tiago era a que havia sido tomada de assalto no dia do homicídio de Ildonio.

No entanto, a arma já havia sido tomada de assalto quando do assassinato do policial militar Ildônio José da Silva, ocorrido entre as cidades de Governador Dix-sept Rosado e Caraúbas, no mês de agosto do ano passado.


RELEMBRE O CASO ILDÔNIO

O Cabo PM Ildônio José da Silva, de 43 anos, lotado em Caraúbas, foi assassinado com tiros de doze na cabeça na noite do dia 16 de agosto de 2018, quando viajava até Mossoró, onde estudava.

Segundo informações apuradas, cerca de cinco bandidos abordaram o ônibus dos estudantes de Caraúbas, na RN-117, na localidade de Olho D'Água da Onça, município de Governador Dix-sept Rosado.

Na época, estudantes relataram que os bandidos atiraram no ônibus até o motorista parar. Quando parou, um dos criminosos entrou, foi até o policial e o carregou para fora. Na rodovia, o policial foi assassinado.

Veja mais:

Polícia prende ainda em flagrante quatro suspeitos do assassinato brutal do Soldado Ildônio, de Caraúbas

Polícia prende mulher de um dos suspeitos de matar o soldado Ildônio

Polícia prende mais uma universitária por participação no assassinato do Soldado Ildônio

Polícia prende mais um envolvido no assassinato do soldado Ildônio José



Notas

Unicursos 2019

Publicidades

Unicursos em Mossoró MOSSORÓ

Outras Notícias

Deixe seu comentário