10 DEZ 2019 | ATUALIZADO 12:19
NACIONAL

Universitário soterrado que enviou foto à família é resgatado em Fortaleza

David Sampaio havia se comunicado com amigos, minutos antes do desabamento, dizendo que a estrutura de concreto dos pilares estava sendo quebrada, sendo deixadas apenas as ferragens expostas. Após a tragédia, já embaixo dos escombros, ele enviou selfies e áudios à família para avisar que estava “bem”.
COM INFORMAÇÕES DO O POVO E DO G1
15/10/2019 17:11
Atualizado
15/10/2019 22:31
A+   A-  
Imagem 1 -  Universitário David Sampaio soterrado nos escombros de um prédio de sete andares em selfie enviada ao grupo de WhatsApp da família. Ele terminou resgatado pelo  Corpo de Bombeiros de Fortaleza
Universitário David Sampaio soterrado nos escombros de um prédio de sete andares em selfie enviada ao grupo de WhatsApp da família. Ele terminou resgatado pelo Corpo de Bombeiros de Fortaleza
FOTO: ARQUIVO PESSOAL/DAVID SAMPAIO

Por volta das 17h horas desta terça-feira (15) o estudante de Arquitetura David Sampaio, uma das vítimas do desabamento do Edifício Andrea, localizado na rua Tibúrcio Cavalcante, em Fortaleza, foi resgatado dos escombros.

Veja mais:

Prédio de 7 andares desaba deixando vítima em Fortaleza; veja vídeo


David havia ficado soterrado após o prédio desmoronar e chegou a enviar áudios e selfie para os familiares informando que estava com vida e sem lesões mais graves.

Minutos antes da tragédia, o universitário afirmou, no grupo de WhatsApp dos amigos, que a estrutura de concreto dos pilares estava sendo quebrada, sendo deixadas apenas as ferragens expostas.

A situação chamou atenção dos colegas, que o orientaram a conversar com o síndico. Na mensagem, David ainda afirmou que não estavam colocando apoios de ferro nas colunas e que estava ficando assustado com a situação. O prédio caiu momentos depois.

David Sampaio foi a oitava pessoa resgatada com vida dos escombros do edifício.


Notas

Ambiental do Brasil

Publicidades

Bolsas 100% MOSSORÓ

Outras Notícias

Deixe seu comentário