09 JUL 2020 | ATUALIZADO 12:36
POLÍCIA
29/05/2020 16:32
Atualizado
29/05/2020 16:32

Possível armeiro de facção criminosa é preso no Centro de Mossoró

A+   A-  
Investigações da DEICOR, realizadas com objetivo de reprimir a atuação de facções criminosas no Estado, apontaram que Josemar Oliveira Neves, mais conhecido como "Aba", 33 anos, é o responsável por guardar armas de fogo de uma facção criminosa com atuação em Mossoró.
Imagem 1 -
FOTO: CEDIDA

Na tarde desta sexta-feira (29) a Polícia Civil prendeu Josemar Oliveira Neves, mais conhecido como "Aba", 33 anos. O homem foi preso no Centro de Mossoró.

O trabalho investigativo, realizado com objetivo de reprimir a atuação de facções criminosas no Estado, apontou que “Aba” é o responsável por guardar armas de fogo de uma facção criminosa com atuação na cidade.

No momento em que os policiais chegaram residência dele, Josemar Oliveira “Aba” não se encontrava, sendo localizado horas depois, próximo a um hospital, no Centro de Mossoró.

Na residência do suspeito, foram encontrados duas armas, uma espingarda calibre 12, com numeração suprimida, uma pistola 9mm, três quilos de uma substância branca, provavelmente, usada para a mistura de cocaína e uma pequena porção de maconha.

Já com "Aba", próximo ao hospital, foi encontrada uma pistola .40, com 34 munições. Ele foi autuado por porte e posse ilegal de arma de fogo.

Essas novas ações repressivas serão implementadas no município de Mossoró, de forma integrada às Unidades Policiais Especializadas: Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (DEFUR), Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) e Delegacia de Homicídios de Mossoró (DHM).

“Aba” foi conduzido até a delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, através do disque denúncia 181, disque DEICOR (84) 3232-2862 ou por meio do aplicativo WhatsApp, no número: (84) 98135-6796.


Notas

Compra Notebook

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário