21 SET 2019 | ATUALIZADO 13:00
MUNDO

Helicóptero russo é atacado durante missão de resgate na Síria

De acordo com o governo russo, dois helicóperos realizam missão de resgate dos dois pilotos do caça Su -24 abatido pelo governo turco.
Da redação
24/11/2015 14:53
Atualizado
13/12/2018 13:14
A+   A-  
Imagem 1 -  Helicóptero russo é atacado durante missão de resgate na Síria

Um helicópeto russo modelo Mi-8 foi abatido durante uma missão de resgate na fronteira da Turquia com a Siria. Segundo fontes oficiais do governo russo, pelo menos um tripulante foi morto e o restante foram evacuados para a basse russa no Hmeymim.

De acordo com o governo russo, dois helicóperos realizam missão de resgate dos dois pilotos do caça Su -24 abatido pelo governo turco.

"Uma operação de busca e salvamento envolvendo dois helicópteros Mi-8 foi realizado, com o objetivo de resgatar os pilotos a partir do local de pouso. Durante a operação, como resultado de fogo de armas leves, um dos helicópteros foi danificado, e forçado a fazer uma aterragem em território neutro. Um soldado de infantaria naval foi morto" , disse o tenente-general Sergei Rudskoi , chefe da Direção principal de Operações do Estado Maior das Forças Armadas russas.

O oficial acrescentou que o "pessoal da equipe de busca e salvamento e da tripulação do helicóptero foram evacuadas e agora estão localizados na base aérea Hmeymim . O helicóptero abatido foi destruído por fogo de morteiro a partir do território controlado pelos rebeldes".

O avião militar de fabricação russa SU-24 foi derrubado pela Turquia perto da fronteira com a Síria nesta terça-feira, disseram fontes da Presidência turca, acrescentando que a aeronave foi derrubada por conta das regras turcas após violações ao espaço aéreo de Ancara.

O presidente Tayyip Erdogan recebeu informações do chefe do Exército e irá conversar com o premiê Ahmet Davutoglu, disseram as fontes.

O exército turco disse em um comunicado que um avião de guerra não identificado violou repetidamente o espaço aéreo turco na região de Yaladag de Hatay, próximo à fronteira com a Síria às 21h20 (horário local). Depois de emitir vários avisos, dois F-16 turcos interceptaram o avião, disse o comunicado.

Notas

Unicursos 2019

Publicidades

Unicursos em Mossoró MOSSORÓ

Outras Notícias

Deixe seu comentário