13 ABR 2024 | ATUALIZADO 13:43
ESTADO
16/02/2024 16:52
Atualizado
17/02/2024 00:38

Inmet emite alerta amarelo de chuvas intensas para todas as regiões do RN

A+   A-  
De acordo com o boletim do Inmet, todas as 167 cidades do território potiguar estão inclusas no alerta, que aponta para chuvas entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, bem como ventos intensos (entre 40 e 60 km/h) nas próximas 24 horas. O risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas é baixo. O alerta iniciou às 10h e é válido até ás 10h deste sábado (17).
Imagem 1 -  De acordo com o boletim do Inmet, todas as 167 cidades do território potiguar estão inclusas no alerta, que aponta para chuvas entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, bem como ventos intensos (entre 40 e 60 km/h) nas próximas 24 horas. O risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas é baixo. O alerta iniciou às 10h e é válido até ás 10h deste sábado (17).
De acordo com o boletim do Inmet, todas as 167 cidades do território potiguar estão inclusas no alerta, que aponta para chuvas entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, bem como ventos intensos (entre 40 e 60 km/h) nas próximas 24 horas. O risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas é baixo. O alerta iniciou às 10h e é válido até ás 10h deste sábado (17).

O Instituto Nacional de Metereologia (Inmet) emitiu, na manhã desta sexta-feira (16), um alerta amarelo (que indica perigo potencial) de chuvas intensas para todas as cidades do Rio Grande do Norte. O alerta iniciou às 10h e é válido até ás 10h deste sábado (17).

De acordo com o boletim do Inmet, todas as 167 cidades do território potiguar estão inclusas no alerta, que aponta para chuvas entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, bem como ventos intensos (entre 40 e 60 km/h) nas próximas 24 horas. O risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas é baixo.

Em caso de rajadas de vento, o instituto aconselha a população que não se abrigue debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda). O uso aparelhos eletrônicos ligados à tomada deve ser evitado nessas circustâncias.


Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário