13 ABR 2024 | ATUALIZADO 13:43
SAÚDE
21/02/2024 12:06
Atualizado
21/02/2024 12:06

CCZ intensifica as ações de combate ao Aedes Aegypt em Mossoró

A+   A-  
As ações em combate ao mosquito transmissor da dengue, zica e chikungunya, estão sendo intensificadas em virtude das chuvas que vêm caindo na região. Nesta época do ano, a colaboração da população no trabalho dos agentes de endemias é de extrema necessidade e importância. Cada um realizando a sua parte no processo de prevenção ao surgimento de focos do mosquito.
Imagem 1 -  CCZ intensifica as ações de combate ao Aedes Aegypt em Mossoró. As ações em combate ao mosquito transmissor da dengue, zica e chikungunya, estão sendo intensificadas em virtude das chuvas que vêm caindo na região. Nesta época do ano, a colaboração da população no trabalho dos agentes de endemias é de extrema necessidade e importância. Cada um realizando a sua parte no processo de prevenção ao surgimento de focos do mosquito.
CCZ intensifica as ações de combate ao Aedes Aegypt em Mossoró. As ações em combate ao mosquito transmissor da dengue, zica e chikungunya, estão sendo intensificadas em virtude das chuvas que vêm caindo na região. Nesta época do ano, a colaboração da população no trabalho dos agentes de endemias é de extrema necessidade e importância. Cada um realizando a sua parte no processo de prevenção ao surgimento de focos do mosquito.

A Prefeitura de Mossoró reforça junto à população a necessidade de atenção redobrada no combate ao mosquito Aedes aegypti neste período de chuvas. Neste sentido, orientações são repassadas aos moradores para os cuidados básicos a serem adotados no dia a dia visando à prevenção às arboviroses e, assim, garantindo a saúde de todos.

Com as chuvas registradas na região, o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) intensifica as ações no município. São ações em campo junto aos moradores em suas residências e ainda um trabalho educativo realizado ao longo de todo o ano.

Nesta época do ano, a colaboração da população no trabalho dos agentes de endemias é de extrema necessidade e importância. Cada um realizando a sua parte no processo de prevenção ao surgimento de focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a dengue, Zika e chikungunya.

“O nosso trabalho é realizado diariamente em Mossoró no sentido de prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti. Nossas equipes realizam visitas às residências em todos os bairros da cidade e comunidades da zona rural, orientando às pessoas para os cuidados básicos, como observar os seus quintais, evitando água parada em recipientes descobertos, por exemplo. É um trabalho conjunto entre população e poder público para o bem de toda coletividade”, informou Sandro Elias, diretor do Centro de Controle de Zoonoses local.

A população pode entrar em contato com as equipes do CCZ, para esclarecimento de dúvidas, por meio do telefone: 3315-4833.

Orientações:

— Tampe os tonéis e caixas d’água;

— Mantenha as calhas sempre limpas;

— Deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo;

— Mantenha lixeiras bem tampadas;

— Deixe ralos limpos e com aplicação de tela;

— Limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia;

— Limpe com escova ou bucha os potes de água para animais;

— Retire água acumulada na área de serviço, do recipiente de degelo de geladeiras e de trás da máquina de lavar roupa;

— Cubra e realize manutenção periódica de áreas de piscinas e de hidromassagem;

— Limpe ralos e canaletas externas;

— Mantenha a atenção em bromélias, babosas e outras plantas que podem acumular água;

— Deixe lonas usadas para cobrir objetos bem esticadas, para evitar formação de poças d’água;

— Verifique instalações de salão de festas, banheiros e copa.


Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário