24 JUN 2024 | ATUALIZADO 16:24
POLÍCIA
06/06/2024 17:40
Atualizado
06/06/2024 17:40

“Lesa Pátria”: PF deflagra nova fase da operação e prende 49 envolvidos nos ataques do 8 de janeiro

A+   A-  
Nesta quinta-feira (6), a Polícia Federal está realizando diligências em 18 estados e no DF, para a captura de investigados e condenados vinculados aos atos golpistas de 8 de janeiro de 2023. Segundo a PF, mais de duas centenas de réus, deliberadamente, descumpriram medidas cautelares judiciais ou ainda fugiram para outros países, com o objetivo de se furtarem da aplicação da lei penal.
Imagem 1 -  “Lesa Pátria”: PF deflagra nova fase da operação e prende 49 envolvidos nos ataques do 8 de janeiro. Nesta quinta-feira (6), a Polícia Federal está realizando diligências em 18 estados e no DF,  para a captura de investigados e condenados vinculados aos atos golpistas de 8 de janeiro de 2023. Segundo a PF, mais de duas centenas de réus, deliberadamente, descumpriram medidas cautelares judiciais ou ainda fugiram para outros países, com o objetivo de se furtarem da aplicação da lei penal.
“Lesa Pátria”: PF deflagra nova fase da operação e prende 49 envolvidos nos ataques do 8 de janeiro. Nesta quinta-feira (6), a Polícia Federal está realizando diligências em 18 estados e no DF, para a captura de investigados e condenados vinculados aos atos golpistas de 8 de janeiro de 2023. Segundo a PF, mais de duas centenas de réus, deliberadamente, descumpriram medidas cautelares judiciais ou ainda fugiram para outros países, com o objetivo de se furtarem da aplicação da lei penal.

A Polícia Federal deflagrou, nesta quinta-feira (6), uma operação com o objetivo de capturar foragidos da Lesa Pátria.

Policiais federais cumprem mandados de prisão preventiva, expedidos pelo Supremo Tribunal Federal, em 18 estados e no DF para a captura de investigados e condenados vinculados aos atos de 8 de janeiro de 2023.

Ao longo de 27 fases, a Operação Lesa Pátria realizou centenas de prisões em face de vândalos, financiadores, autoridades omissas e incitadores dos crimes realizados no início do ano passado.

Segundo a PF, mais de duas centenas de réus, deliberadamente, descumpriram medidas cautelares judiciais ou ainda fugiram para outros países, com o objetivo de se furtarem da aplicação da lei penal.

Até o final da manhã, 49 pessoas foram presas nos estados do Espírito Santo, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais, Bahia, Paraná e no Distrito Federal.

As diligências seguiram ao longo do dia para localização e captura de outros 160 condenados ou investigados considerados foragidos.

Os fatos investigados constituem, em tese, os crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime, destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido.

As investigações continuam em curso, e a Operação Lesa Pátria é permanente, com atualizações periódicas acerca do número de mandados cumpridos e pessoas capturadas.


Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário