21 JUL 2024 | ATUALIZADO 13:56
ESTADO
ANNA PAULA BRITO
09/07/2024 09:19
Atualizado
09/07/2024 10:47

MJSP designa diretor para a Penitenciária de Mossoró e prorroga uso da Força Penal Nacional no RN

A+   A-  
As decisões constam na edição desta terça-feira (9) do Diário Oficial da União (DOU). Roderick Ordakowski, já estava à frente da Penitenciária Federal de Mossoró desde o mês de abril, após a recaptura de dois fugitivos e da dispensa oficial do então diretor da unidade, Humberto Gleydson Fontinele Alencar. Já a Força Penal Nacional está no estado desde o final de fevereiro e deve permanecer por mais 60 dias. Segundo a portaria que prorroga a permanência dos policiais, tem como objetivo apoiar o Governo do Estado do RN, para treinamento, alinhamento de procedimentos de segurança e fluxos administrativos específicos.
Imagem 1 -  MJSP designa diretor para a Penitenciária de Mossoró e prorroga uso da Força Penal Nacional no RN. As decisões constam na edição desta terça-feira (9) do Diário Oficial da União (DOU). Roderick Ordakowski, já estava à frente da Penitenciária Federal de Mossoró desde o mês de abril, após a recaptura de dois fugitivos e da dispensa oficial do então diretor da unidade, Humberto Gleydson Fontinele Alencar. Já a Força Penal Nacional está no estado desde o final de fevereiro e deve permanecer por mais 60 dias. Segundo a portaria que prorroga a permanência dos policiais, tem como objetivo apoiar o Governo do Estado do RN, para treinamento, alinhamento de procedimentos de segurança e fluxos administrativos específicos.
MJSP designa diretor para a Penitenciária de Mossoró e prorroga uso da Força Penal Nacional no RN. As decisões constam na edição desta terça-feira (9) do Diário Oficial da União (DOU). Roderick Ordakowski, já estava à frente da Penitenciária Federal de Mossoró desde o mês de abril, após a recaptura de dois fugitivos e da dispensa oficial do então diretor da unidade, Humberto Gleydson Fontinele Alencar. Já a Força Penal Nacional está no estado desde o final de fevereiro e deve permanecer por mais 60 dias. Segundo a portaria que prorroga a permanência dos policiais, tem como objetivo apoiar o Governo do Estado do RN, para treinamento, alinhamento de procedimentos de segurança e fluxos administrativos específicos.

O Ministério da Justiça e Segurança Pública publicou duas portarias no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (9), voltadas ao Estado do Rio Grande do Norte. Em uma, designa diretor para a Penitenciária Federal de Mossoró. Na outra, prorroga a permanência da Força Penal Nacional no Estado.

O novo diretor da unidade prisional é Roderick Ordakowski. Ele já estava à frente da unidade prisional desde o mês de abril, após a recaptura de dois detentos, que protagonizaram a primeira fuga de uma penitenciária federal já registrada no país.

Logo após a fuga, no mês de fevereiro, o Ministério da Justiça afastou o então diretor da penitenciária, Humberto Gleydson Fontinele Alencar, até a conclusão das investigações, e nomeou Carlos Luis Vieira Pires como interino. Após a recaptura de presos, Fontinele foi afastado definitivamente e Vieira Pires substituído por Ordakowski.

FORÇA PENAL NACIONAL

Também nesta terça, o MJSP autorizou a permanência da Força Penal Nacional no Rio Grande do Norte. Os policiais já se encontram no estado desde fevereiro e devem permanecer por mais 60 dias, até 6 de setembro de 2024.

De acordo com a portaria, a Força Penal Nacional seguirá dando apoio ao Governo do Estado do RN, para treinamento, alinhamento de procedimentos de segurança e fluxos administrativos específicos.

Os treinamentos serão realizados na Unidade Prisional - Rogério Coutinho Madruga - PV5 e serão coordenados pela Secretaria Nacional de Políticas Penais, do Ministério da Justiça e Segurança Pública.


Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário