22 ABR 2024 | ATUALIZADO 15:35

SAÚDE

  Primeiro caso de cólera contraído no Brasil em 18 anos é registrado na Bahia. Nota técnica assinada pela Secretaria de Vigilância em Saúde e Ambiente informou que a bactéria causadora da doença (Vibrio cholerae) foi identificada em um homem de 60 anos, que não tinha viajado recentemente a países com ocorrência de cólera, nem tido contato com algum outro caso confirmado ou mesmo suspeito. A cólera é uma doença infecciosa intestinal aguda, transmitida por contaminação fecal-oral direta, ingestão de água ou alimentos contaminados e ainda de pessoa para pessoa.
Primeiro caso de cólera contraído no Brasil em 18 anos é registrado na Bahia

22/04/2024 15:33

Nota técnica assinada pela Secretaria de Vigilância em Saúde e Ambiente informou que a bactéria causadora da doença (Vibrio cholerae) foi identificada em um homem de 60 anos, que não tinha viajado recentemente a países com ocorrência de cólera, nem tido contato com algum outro caso confirmado ou mesmo suspeito. A cólera é uma doença infecciosa intestinal aguda, transmitida por contaminação fecal-oral direta, ingestão de água ou alimentos contaminados e ainda de pessoa para pessoa.

  Público com idade entre 6 e 16 anos pode buscar vacina contra a dengue no RN. A ampliação da faixa etária que pode ser imunizada contra a doença foi autorizada pelo Ministério da Saúde. De acordo com a nota técnica, a estratégia é temporária e apenas para as vacinas que possuem prazo de validade até 30 de abril. Cada município terá de montar sua estratégia de vacinação a partir da orientação do ministério. A nota também aponta que, em caso de necessidade, para evitar a perda de doses, a ampliação da faixa etária poderá ser até o limite especificado na bula da vacina, que é dos 4 aos 59 anos 11 meses e 29 dias de idade. Todas as pessoas vacinadas nesse novo esquema terão sua segunda dose garantida.
Público com idade entre 6 e 16 anos pode buscar vacina contra a dengue no RN

18/04/2024 10:44

A ampliação da faixa etária que pode ser imunizada contra a doença foi autorizada pelo Ministério da Saúde. De acordo com a nota técnica, a estratégia é temporária e apenas para as vacinas que possuem prazo de validade até 30 de abril. Cada município terá de montar sua estratégia de vacinação a partir da orientação do ministério. A nota também aponta que, em caso de necessidade, para evitar a perda de doses, a ampliação da faixa etária poderá ser até o limite especificado na bula da vacina, que é dos 4 aos 59 anos 11 meses e 29 dias de idade. Todas as pessoas vacinadas nesse novo esquema terão sua segunda dose garantida.

  Mossoró terá “Dia D” de vacinação contra dengue, Influenza, HPV e Covid-19 neste sábado (13). Os imunizantes estão disponíveis em 11 Unidades Básicas de Saúde, das 8h às 12h, e no e no Partage Shopping, das 10h às 18h. As vacinas serão aplicadas na população conforme os grupos prioritários preconizados pelo Ministério da Saúde. A iniciativa visa ampliar o acesso dos imunizantes à população com dia e horário alternativos. Consequentemente, aumentando as coberturas vacinais no município; veja os pontos de vacinação.
Mossoró terá “Dia D” de vacinação contra dengue, Influenza, HPV e Covid-19 neste sábado (13)

12/04/2024 11:27

Os imunizantes estão disponíveis em 11 Unidades Básicas de Saúde, das 8h às 12h, e no e no Partage Shopping, das 10h às 18h. As vacinas serão aplicadas na população conforme os grupos prioritários preconizados pelo Ministério da Saúde. A iniciativa visa ampliar o acesso dos imunizantes à população com dia e horário alternativos. Consequentemente, aumentando as coberturas vacinais no município; veja os pontos de vacinação.

  O projeto contratado pela Liga prevê a construção da sede própria da instituição com 180 leitos no terreno que antigamente funcionava o Hospital Duarte Filho, em frente à Praça dos Hospitais. Já o projeto da APAMIM, prevê a construção do hospital pediátrico ao lado da Maternidade Almeida Castro, com 80 leitos, também em frente à Praça dos Hospitais. O senador Styvenson Valentim disse que todo gestor deveria fazer o que ele está fazendo: ou seja, conhecendo, aprimorando os projetos antes de começar o investimento. Segundo ele, assim a obra, depois que começa, não tem interrupções. É concluída.
Styvenson elogia projetos dos hospitais da oncologia e pediátrico de Mossoró

06/04/2024 18:45

O projeto contratado pela Liga prevê a construção da sede própria da instituição com 180 leitos no terreno que antigamente funcionava o Hospital Duarte Filho, em frente à Praça dos Hospitais. Já o projeto da APAMIM, prevê a construção do hospital pediátrico ao lado da Maternidade Almeida Castro, com 80 leitos, também em frente à Praça dos Hospitais. O senador Styvenson Valentim disse que todo gestor deveria fazer o que ele está fazendo: ou seja, conhecendo, aprimorando os projetos antes de começar o investimento. Segundo ele, assim a obra, depois que começa, não tem interrupções. É concluída.

  Pau dos Ferros e mais 9 municípios do RN passarão a ofertar vacinação contra a dengue. O imunizante está disponível para  a população entre 10 e 14 anos. Com a entrada de Caicó, Pau dos Ferros, Ceará-Mirim, Santa Cruz, João Câmara, Touros, São Paulo do Potengi, Pendências, Luís Gomes e Jucurutu, o estado chega a 29 cidades ofertando a imunização. As vacinas foram disponibilizadas a partir de uma pactuação conduzida pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) com os municípios para a redistribuição das doses.
Pau dos Ferros e mais 9 municípios do RN passarão a ofertar vacinação contra a dengue

05/04/2024 08:37

O imunizante está disponível para a população entre 10 e 14 anos. Com a entrada de Caicó, Pau dos Ferros, Ceará-Mirim, Santa Cruz, João Câmara, Touros, São Paulo do Potengi, Pendências, Luís Gomes e Jucurutu, o estado chega a 29 cidades ofertando a imunização. As vacinas foram disponibilizadas a partir de uma pactuação conduzida pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) com os municípios para a redistribuição das doses.


Notas

Tekton

Publicidades