31 OUT 2020 | ATUALIZADO 18:58
POLÍCIA
Da redação
14/06/2017 11:26
Atualizado
13/12/2018 11:11

Cidadão assassinado em frente ao ITEP é irmão do suspeito de matar Hiroíto

A+   A-  
Felipe Rodolfo da Silva, 30 anos, foi atingido por disparos de arma de fogo na rua José Fernandes, ao lado do ITEP, encostado no muro do II Batalhão de Polícia Militar
Imagem 1 -  Cidadão assassinado em frente ao ITEP é irmão do suspeito de matar Hiroíto
Fim da Linha
Mossoró registrou na tarde desta quarta-feira, 14, homicídio por arma de fogo na rua José Fernandes, ao lado da sede do Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP), no bairro Aeroporto, em Mossoró.

A vítima foi identificada como Felipe Rodolfo da Silva, 30 anos, residente na Rua Venceslau Braz, no bairro Paredões.

Os principais suspeitos do crime fugiram do local numa moto. As testemunhas relataram à Polícia que a vítima teria ido ao ITEP fazer exame de residuograma de chumbo nas mãos, para comprovar ou não suspeitas de que usou arma de fogo.

Felipe é irmão de Pedro Henrique da Silva, suspeito que está preso por participação na morte do servidor da Uern Hiroito Gonçalves, morto dentro de casa no dia 3 de junho. Pedro está preso. Felipe estava sendo investigado.

No momento que a vítima chegou ao ITEP para fazer o exame, terminou sendo executado. O delegado que investiga o caso Hiroito Falcão confirmou que realmente se trata do irmão de Pedro Henrique, e disse não saber se havia relação entre os crimes.



A Polícia, desde semana passada, procura outros suspeitos da morte de Hiroito. Sobre a morte de Felipe Rodolfo, os policiais da Divisão de Homicídios de Mossoró destacam que pode ter sido queima de arquivo. Ele teria informações que poderiam elucidar os assassinos de Hiroito.

Notas

AME

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário