23 JUL 2019 | ATUALIZADO 09:01
POLÍCIA

Acusado de matar a ex por ciúmes pega 15 anos de prisão em regime fechado

Julgamento de Oliveira Carlos começou às 8h30 da manhã desta terça-feira (4) e foi concluído por volta das 15 horas, com a decisão dos sete membros do Conselho de Sentença
14/05/2019 16:48
Atualizado
14/05/2019 17:26
A+   A-  
Acusado de matar a ex por ciúmes pega 15 anos de prisão em regime fechado
Oliveira Carlos matou a ex Cristiane Bezerra e passou três anos fugindo a Justiça
JUNIOR ALVES/SUPERTV

O Tribunal do Júri Popular condenou nesta terça-feira (14) Oliveira Carlos de Araújo, de 44 anos, a 15 anos de prisão em regime fechado por ter matado a tiros a ex-namorada Cristiane Bezerra de Moura Câmara, no dia 27 de julho de 2015, em Mossoró.

O julgamento começou às 8h30 no Fórum Municipal Desembargador Silveira Martins. O promotor de Justiça Armando Lúcio Ribeiro mostrou aos sete membros do Conselho de Sentença que o réu matou a vítima por não aceitar o fim do namoro.

Armando Lúcio declarou claro aos jurados que Oliveira Carlos praticou o que a Legislação Penal classifica como feminicídio, em sua forma qualificada. A defesa ressaltou que não foi bem assim. Defendeu tese de que a vítima teria provocado a reação do réu.

O julgamento terminou por volta das 15h20 desta terça-feira, com a juíza Welma Maria Ferreira de Menezes convocando os sete jurados a Sala Secreta, onde ficou definido que o réu deveria ser sentenciado por feminicídio em sua forma qualificada.

Considerando os quesitos votados pelos jurados, a juiz Welma Maria Ferreira de Mezenas aplicou sentença de 15 anos de prisão para o réu em regime fechado. Oliveira Carlos está preso desde julho de 18 e retornou para o sistema prisional com prisão preventiva decretada.

Veja mais

Suspeito de matar ex em Mossoró é preso em Almino Afonso

Acusado de matar a ex por ciúmes pega 15 anos de prisão em regime fechado

Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário