26 NOV 2020 | ATUALIZADO 18:31
NACIONAL
COM INFORMAÇÕES DO G1
21/03/2020 15:04
Atualizado
21/03/2020 15:04

Brasil já registra 18 mortes e 1.021 casos confirmados de coronavírus

A+   A-  
São 15 mortes no estado de São Paulo e 3 no Rio de Janeiro. Os casos já foram confirmados em 25 estados e no Distrito Federal, apenas em Roraima ainda não há confirmações.
Imagem 1 -
FOTO: REPRODUÇÃO

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até 13h30 deste sábado (21), 1.021 casos confirmados de novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil em 25 estados e no Distrito Federal. São 18 mortes no país, três no Rio de Janeiro e 15 em São Paulo.

Por conta das 6 novas mortes confirmadas em SP, o governador João Doria determinou quarentena, pelo período de 15 dias, a partir da próxima terça-feira (24) até o dia 7 de abril, para os 645 municípios do estado.

O Ministério da Saúde atualizou os números na tarde de sexta-feira, informando que o Brasil tem um total de 904 casos confirmados de coronavírus e 11 mortes.

O Maranhão registrou o primeiro caso confirmado na sexta-feira. Em todo o Brasil, apenas Roraima ainda não teve caso confirmado.

Em Goiás, o número de pessoas com coronavírus subiu de 15 para 18, de acordo com boletim da Secretaria Estadual de Saúde. No Distrito Federal, o número de casos de infectados foi de 87 para 108.

No Rio Grande do Norte, a Secretaria Estadual de Saúde confirmou mais 5 novos casos. Ao todo, o Estado tem 6 casos confirmados.

Em Santa Catarina, o número saltou de 40 para 51. O Mato Grosso confirmou seu 2º caso, assim como o Tocantins.

TRANSMISSÃO COMUNITÁRIA

O Ministério da Saúde declarou que todo o território nacional está sob o status de transmissão comunitária do coronavírus Sars-Cov-2, responsável pela pandemia da doença Covid-19. O status foi publicado em portaria na noite desta sexta-feira (20).

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, já tinha anunciado que a medida seria tomada em breve para facilitar ações do governo. O ministro sinalizou também que a previsão é que os casos da doença disparem em abril e o sistema de saúde deve entrar em colapso.

A transmissão comunitária ou sustentada é aquela quando não é possível rastrear qual a origem da infecção, indicando que o vírus circula entre pessoas que não viajaram ou tiveram contato com quem esteve no exterior.

Até o balanço de quinta-feira (19), a transmissão comunitária estava configurada nos estados de São Paulo e de Pernambuco. Além disso, ocorre isoladamente em três capitais: Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre (além das capitais de SP e PE, já incluídas acima).


Notas

AME

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário