08 AGO 2020 | ATUALIZADO 13:32
VARIEDADES
18/06/2020 11:36
Atualizado
18/06/2020 11:36

Caravana Virtual Feminista da Economia Solidária será lançada hoje, 18

A+   A-  
A iniciativa é do Centro Feminista 8 de Março e da Rede Xique-Xique, e visa fortalecer trabalho de grupos de mulheres durante a pandemia.Dentre outras atividades onlines, a Caravana contará com uma loja virtual onde as artesãs, que tiveram suas rendas afetadas pela pandemia, poderão comercializar seu produtos; O lançamento acontecerá às 20h, no Canal do Youtube do Centro.
Imagem 1 -
FOTO: CEDIDA

Nesta quinta-feira (18), às 20h, o Centro Feminista 8 de Março vai realizar uma transmissão ao vivo, direto do seu Canal no Youtube, para o lançamento da Caravana Virtual Feminista da Economia Solidária.

A cultural em clima junino terá apresentações de Khrystal, Conceição Andrade e Eva Rocha. Além disso, a atividade terá ainda a participação das mulheres dos empreendimentos solidários que compõem a caravana.

A Caravana Virtual Feminista da Economia Solidária é uma alternativa que o Centro Feminista 8 de Março, em parceria com a Rede Xique-Xique, elaborou para lidar com o período de pandemia do novo coronavírus.

A caravana é composta por debates sobre economia solidária e feminista, atividades culturais online e uma loja virtual com proposta de comercialização solidária organizada por grupos de mulheres que tiveram suas atividades de comercialização afetadas devido ao distanciamento social.

Ao comprar nesta loja as pessoas vão estar contribuindo com uma rede de solidariedade que fortalece o trabalho de diversas artesãs, possibilitando que elas possam ter o direito de Ficar em casa e continuar produzindo, mesmo no contexto atual.

Conheça o site da Caravana clicando AQUI. https://caravanavirtualecosol.lojaintegrada.com.br/

Esta ação é parte do projeto “Mulheres no semiárido: água para produção, economia solidária para comercialização”, executado pelo Centro Feminista 8 de Março, financiado pela Fundação Banco do Brasil e co-financiado pela União Europeia.

O projeto beneficia diretamente mulheres dos municípios de Mossoró, Natal Macaíba e Ceará Mirim.

Além dessa iniciativa de vendas, o projeto atua na construção de tecnologias de reuso de água, melhorando a capacidade de produção dos quintais produtivos de diversas mulheres.

A construção das tecnologias está temporariamente suspensa, mas a atividade será retomada assim que passar o período de isolamento.

A atividade de lançamento da Caravana Virtual Feminista da Economia Solidária conta ainda com o apoio da Fiocruz e da ActionAid.


Notas

AME

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário