02 DEZ 2020 | ATUALIZADO 18:35
POLÍTICA
24/10/2020 21:28
Atualizado
25/10/2020 11:29

Confira o que os candidatos estão propondo para abastecer a zona rural de Mossoró

A+   A-  
Responderam a pergunta do PORTAL MOSSORO HOJE, os candidatos Ronaldo Garcia, Rosalba Ciarlini, Isolda Dantas e Claudia Regina; os candidatos Allyson Bezerra e Irmã Ceição não responderam a pergunta. A situação do abastecimento na zona rural é precário em praticamente todas as comunidades, como de Alagoinha, que desde 2019 que fazem protesto por abastecimento regular
Imagem 1 -  Responderam a pergunta do PORTAL MOSSORO HOJE, os candidatos Ronaldo Garcia, Rosalba Ciarlini, Isolda Dantas e Claudia Regina; os candidatos Allyson Bezerra e Irmã Ceição não responderam a pergunta. A situação do abastecimento na zona rural é precário em praticamente todas as comunidades, como de Alagoinha, que desde 2019 que fazem protesto (foto) por abastecimento regular
Responderam a pergunta do PORTAL MOSSORO HOJE, os candidatos Ronaldo Garcia, Rosalba Ciarlini, Isolda Dantas e Claudia Regina; os candidatos Allyson Bezerra e Irmã Ceição não responderam a pergunta. A situação do abastecimento na zona rural é precário em praticamente todas as comunidades, como de Alagoinha, que desde 2019 que fazem protesto (foto) por abastecimento regular

A segunda pergunta enviada aos candidatos versa sobre o abastecimento precário em quase toda a zona rural de Mossoró, em especial Pedra Branca, Carajás, Maisa, Alagoinha (moradores desta comunidade fizeram protestos em 2019 por água) e Passagem de Pedras. Portanto, qual a proposta do candidato se eleitor for para sanar este problema?

A candidata Irmã Ceição não respondeu à pergunta sobre abastecimento na zona rural.

Nesta sexta-feira, 23, os candidatos falaram o que vão fazer se eleito para melhorar a mobilidade urbana de Mossoró.

CONFIRA AQUI.   

Segue sobre abastecimento


Isolda Dantas

Quem mora na zona rural de Mossoró reclama e denuncia o ano todo o abastecimento irregular de água nas suas comunidades. Para sanar tal questão, a candidata a prefeita Isolda propõe ações integradas de perfuração e recuperação de poços e construção de adutoras.  

”Eu sei o que é a falta de água na zona rural. Na nossa gestão à prefeitura deverá investir na formação de comissões comunitária para realizarem a gestão dos sistemas de abastecimento. Além disto, realizaremos uma ação integrada de perfuração e poços e, em parceria com o governo do RN, a construção de adutoras. Outra questão é que há uma grande quantidade de poços que podem ser recuperados e, em curto espaço de tempo, já beneficiarem as comunidades” diz Isolda.


Claudia Regina

O que a zona rural de Mossoró vive é um completo descaso e isso precisa ser resolvido. É questão de respeito e dignidade ao homem e mulher do campo. Eu vou executar o Plano de Enfretamento à Seca que prevê, de imediato, medidas para recuperar os dessalinizadores e os poços que já estão nas comunidades, mas carecem de manutenção. Junto disso, vamos investir na perfuração de novos poços, conforme levantamento para diagnosticar o grau de emergência em cada comunidade. O Governo Federal, em 2013, recebeu nosso Plano e deu as condições de implementação, tanto que deixamos pronto 6 novos poços perfurados. É preciso retomar essa articulação com os demais órgão e instâncias para que a gente traga as parcerias que nos ajude a entregar soluções aos problemas do nosso povo.

Allyson Bezerra

A zona rural de Mossoró está esquecida e abandonada. Na nossa gestão isso vai mudar. Sou filho de agricultor, sou neto de agricultor, fui criado na zona rural, conheço as principais dificuldades de quem mora no campo. No nosso plano de governo, apresentamos como propostas para melhorar a zona rural a perfuração e manutenção de poços artesianos, ampliação do sistema de adutoras e ampliação do número de dessalinizadores. Também implantaremos o programa Terra Fértil para distribuição de cortes de terra e sementes para os agricultores. Faremos a manutenção de estradas e coleta de lixo nas comunidades rurais de forma constante. Também apresentamos como proposta o programa Ronda Rural, que trata-se de policiamento ostensivo nas comunidades rurais. Por conhecer de perto as dificuldades de quem mora no campo, essa será uma pauta a ser defendida na nossa gestão. Trabalhar pelas famílias do campo é nosso compromisso.


Ronaldo Garcia 

O abastecimento das comunidades da zona rural, com os poços de Pomar, Jurema e Jucuri são muito importantes para a cidade de Mossoró. O grande problema é o prazo em que são feitas.  Por que o reestabelecimento do abastecimento de água para a comunidade rural de Jucuri foi feito só apenas em junho de 2020?   Será que o dinheiro só chegou em junho de 2020 ou apenas só interessou em ano de campanha eleitoral para prefeito?  O Jucuri abastece três assentamentos, o Solidão, o Independência e o Vingt Rosado e mais oito comunidades.  Precisamos abrir pelo menos mais dois poços para que “desafogar” a concentração do Jucuri e assim ter um abastecimento mais eficaz.  Nossa proposta ainda é que os abastecimentos sejam contínuos nos poços de Jurema, Pomar e Jucuri. Os serviços de recuperação da bomba e do dessalinizador terão manutenção constante, com revisão de uma equipe de engenharia mecânica e de segurança em pelo menos seis meses. 


Rosalba Ciarlini

A gente sabe que no campo a oferta de água influencia também na geração de emprego e renda já que a produção depende desse bem. Temos trabalhado incansavelmente para minimizar os impactos provocados pela falta de água. Mossoró tem 133 comunidades rurais, algumas contam com poços equipados com dessalinizadores, outras recebem água de adutora, são situações diversas que merecem uma atenção especial para cada caso.

Vamos criar um programa de perfuração de poços para atender comunidades onde este problema ainda não foi solucionado. É algo que deu certo no passado e vamos aperfeiçoar para ampliar esse abastecimento que existe hoje. Em algumas localidades temos poços antigos e profundos. Aproveito para citar o trabalho que realizamos na comunidade de Pedra Branca, onde restabelecemos o abastecimento de água.

A nossa intenção é fortalecer a gestão de recursos hídricos em nível local e comunitário, com investimento técnico e maior direcionamento de recursos para o trabalho de reparo com qualidade, evitando problemas recorrentes, utilizando com eficiência os meios tecnológicos à disposição.

Além disso, anunciamos a criação do Fundo Municipal de Apoio à Agricultura Familiar que ofertará uma linha de crédito onde os agricultores poderão fazer pequenos investimentos em suas propriedades. E buscar, claro, todos os recursos dos governos federal e estadual que possam ser direcionados a essa questão.


Comprovação dos fatos

A situação relatada pelos candidatos a prefeitura foi comprovada pelo repórter Joaozinho GPS na localidade de Passagem de Pedras. Ele teve dificuldades de chegar ao local, devido a estrada ruim, e quando chegou ao local, testemunhou lixo nas margens do rio, falta de médico, segurança e principalmente de água para abastecer as famílias. Denunciam descaso da atual gestão municipal, que tem a frente a prefeita Rosalba Ciarlini.


Notas

AME

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário